domingo, 24 de março de 2019

Residência arrombada em Santa Clara e ladrão furta R$ 1,1 mil em espécie



Carteira com documentos também foi furtada na ação, que ocorreu na tarde deste domingo, 24


http://www.vnoticia.com.br/noticia/3609-residencia-arrombada-em-santa-clara-e-ladrao-furta-r-1-1-mil-em-especie



PM prende homem acusado de ser o assassino do policial reformado e pastor Ozelis Manhães




http://www.vnoticia.com.br/noticia/3608-pm-prende-homem-acusado-de-ser-o-assassino-do-policial-reformado-e-pastor-ozelis-manhaes


PM reformado morto a facadas em São Francisco de Itabapoana


Vítima, Ozelis Manhães, atuava como pastor evangélico.








Secretário estadual de Defesa Civil sobrevoa Atafona para avaliar estragos pelo avanço do mar


Leia aqui no VNOTÍCIA





Vice-presidente da comissão de Defesa Civil, deputado Bruno Dauaire também oficiou autoridades federais



O secretário estadual de Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey Costa Júnior, sobrevoou na manhã deste domingo (24) o litoral de Atafona, em São João da Barra, além de Guaxindiba e Gargaú, em São Francisco de Itabapoana, para avaliar os danos causados pelo avanço do mar na região.

A ação foi viabilizada por uma iniciativa do deputado estadual Bruno Dauaire (PRP), que é vice-presidente da Comissão de Defesa Civil da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

Coube a Prefeita de São João da Barra, Carla Machado, receber, o secretário de Estado de Defesa Civil, coronel Roberto Robadey Costa Júnior, que verificou os efeitos da erosão costeira que atinge o município há mais de cinco décadas. O vice-prefeito Alexandre Rosa, o deputado estadual Bruno Dauaire, secretários municipais e vereadores acompanharam a visita.

O grupo seguiu por alguns trechos à beira mar em Atafona, sendo possível ver a consequência do avanço do mar, e depois foi até o Pontal, onde a situação é mais grave. Na última sexta-feira, em função da maré de lua, da chuva e da ressaca do mar, casas e a rua Beira Rio, no Pontal de Atafona, foram alagadas. Na ocasião, duas famílias foram encaminhadas para o aluguel social e a Prefeitura de São João da Barra, além do socorro aos moradores, atuou também numa ação paliativa emergencial com colocação de areia em determinados pontos e abertura de vala para escoamento das águas em outros.

A prefeita Carla Machado agradeceu a visita das autoridades estaduais. “Revigora nossas esperanças. Estamos há muito tempo trazendo parlamentares, órgãos ambientais para conhecer essa realidade que tanto aflige a comunidade de Atafona e do Açu, que sofre com o problema da erosão desde década de 50, e prejudica a classe pesqueira e o setor turístico", pontuou.

Carla esclareceu que, apesar do município não ter a responsabilidade na aplicação de recursos para solucionar o problema - pois se trata de um investimento federal -, o governo municipal não se isenta de estar nessa parceria e vem lutando em busca de apoio para resolver essa questão. 

“Os investimentos giram em torno de 180 milhões. Para disponibilizar esse recurso, teríamos que parar com o trabalho nas outras áreas. O que podemos fazer é estar pedindo, estamos nos reunindo com Ministério Público Federal e será formada uma Câmara técnica, com participação do Ibama/RJ, Inea/RJ, Superintencia do Patrimônio da União (SPU), especialistas, sociedade civil organizada, iniciativa privada, Ministério Público Federal e Estadual e nós, da Prefeitura", explicou. Na ocasião, ela entregou às autoridades presentes ofício solicitando junto à  Assembleia Legislativa e ao Governo do Estado e uma cópia do anteprojeto elaborado pelo Instituto Nacional de Pesquisas HIdroviárias (INPH) .

A prefeita deixou claro, ainda, que na busca por melhorias e obras importantes para a cidade, não existe questões partidárias, todos devem estar unidos e prol desse objetivo e que vai continuar trabalhando por mais apoios junto aos demais deputados e ministros.

“Será enviado novamente o Decreto de Situação de Emergência e, dessa vez, contamos com apoio do secretário estadual, que entendeu a necessidade de intervenção. Continuaremos na luta, afinal nosso povo merece todo nosso empenho para uma questão tão séria como a que vivemos aqui em Atafona e na praia do Açu", esclareceu.

O coronel Roberto Robadey reconheceu que o problema foge ao alcance do município. “Essa obra é quase metade do orçamento do município; quase todo o meu orçamento da taxa de incêndio de um ano, que mantém 115 quartéis do Corpo de Bombeiros no Estado. Então é algo que não é de simples solução. São João da Barra não consegue resolver sozinho. Nós viemos aqui para conhecer o problema, orientar e buscar soluções que não estão aqui. As soluções têm que vir com apoio não só do estado, mas do Governo Federal”, pontuou o secretário, ressaltando que o assunto deve ser levado a Brasilia.

"É preciso buscar a homologação de uma Situação de Emergência, que não é simples, pois nossos técnicos estão acostumados com aqueles desastres que ocorrem de noite para o dia e, aqui, é um desastre que vem ocorrendo ao longo de décadas, não é algo fácil. O governador nos pediu para vir aqui e vamos buscar apoio federal para São João da Barra”, complementou o secretário.

Em agosto de 2017, a Coordenadoria de Defesa Civil de São João da Barra elaborou toda a documentação, enviada à União e ao Estado para o reconhecimento da Situação de Emergência em razão do avanço do mar em Atafona. O objetivo era, com o reconhecimento, adquirir recursos para pôr em prática ações de contenção do fenômeno, porém o pedido não teve êxito.

Fala de Bruno Dauaifre
O deputado estadual Bruno Dauaire disse em entrevista a imprensa: “Quero agradecer demais ao coronel Robadey por vir ver de perto a situação caótica na nossa região. Atafona sofre há 60 anos com o avanço do mar e nosso objetivo é somar forças, tanto do ponto de vista estadual como federal, para conseguir viabilizar uma obra definitiva para solucionar esse problema”, informando, ainda, que enviou ofícios ao senador Flávio Bolsonaro (PSL) e ao ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, para que autoridades federais também conheçam de perto o problema.

“A solução do problema em Atafona é um sonho antigo dos moradores, que estão cansados de promessas. A visita do secretário é um exemplo de como temos que andar todos na mesma direção para buscar o melhor para a população. Também quero agradecer ao governador Wilson Witzel (PSC) por estar conosco nesta luta de todos os sanjoanenses”, declarou Bruno.

O coronel  Robadey estava acompanhado do subsecretário da Defesa Civil, Cel. Bombeiro Militar Marcelo Hess de Azevedo, da Diretora de Geologia do Departamento de Recursos Minerais – mm (DRM-RJ), Aline Freitas da Silva, Major do Corpo de Bombeiros, Claudio Luiz e do Ten. Cel. Joelson Oliveira.  

sábado, 23 de março de 2019

Um homem e uma mulher presos por tráfico de drogas em Santa Clara



Prisões ocorreram entre a tarde desta sexta-feira e a madrugada deste sábado


http://vnoticia.com.br/noticia/3605-um-homem-e-uma-mulher-presos-por-trafico-de-drogas-em-santa-clara



Preço da gasolina sobe pela 4ª semana e acumula alta de 3,5% em um mês


ICMS nas alturas mantém valor alto do combustível no Estado do RJ


http://vnoticia.com.br/noticia/3603-preco-da-gasolina-sobe-pela-4-semana-e-acumula-alta-de-3-5-em-um-mes



Bolsonaro diz que a responsabilidade da reforma está com o Parlamento


Segundo o presidente, a mudança na previdência é uma questão de Estado


http://vnoticia.com.br/noticia/3602-bolsonaro-diz-que-a-responsabilidade-da-reforma-esta-com-o-parlamento



TRF-2 definirá recursos de Temer e Moreira na próxima semana



Advogados de ex-presidente e ex-ministro impetraram habeas corpus


http://vnoticia.com.br/noticia/3604-trf-2-definira-recursos-de-temer-e-moreira-na-proxima-semana



Acidente com moto mata jovem de 21 anos em SFI na RJ-196


Um jovem de 21 anos, Márcio, que morava em Coréia, localidade da zona rural de São Francisco de Itabapoana, morreu em um acidente com moto por volta das 23 horas desta sexta-feira (22) na RJ-196, próximo a localidade de Barrinha.


Segundo apurou o site VNOTÍCIA Márcio, também conhecido por Marcinho, estaria participando das comemorações do aniversário de um amigo. Quando saiu da festa, aconteceu o acidente. Ele estaria sem capacete ao colidir com a cerca de arame farpado da propriedade às margens do asfalto para, em seguida, bater no poste.


O rabecão da Defesa Civil removeu o corpo para o Instituto Médico Legal IML na manhã deste sábado (23). O caso foi registrado na 147ª Delegacia Civil de São Francisco de Itabapoana.




sexta-feira, 22 de março de 2019

Mar avança em Guaxindiba e derruba 15 árvores e três postes

Previsão de ciclone no ES deixa SFI em alerta; dois trechos da Avenida Atlântica foram interditados.

O avanço do mar, que provocou apreensão a moradores de Atafona e Açu, em São João da Barra, também vem provocando estragos na Praia de Guaxindiba. Até o final da tarde desta sexta-feira, 22, a Secretaria Municipal de Defesa Civil já havia contabilizado a queda de três postes e 12 árvores da espécie Casuarina na Avenida Atlântica.


Segundo o secretário Ilzomar Soares, foi emitido um alerta às 18 horas para que os barcos de pesca fiquem em terra devido ao risco de ressaca do mar e ondas grandes. No mesmo alerta, a Defesa Civil Municipal chama a atenção para a possibilidade de os efeitos do ciclone tropical, previsto para atingir a costa do Espírito Santo, serem sentidos também em São Francisco de Itabapoana.


“Estão previstos ventos mais intensos a partir de hoje (sexta) à noite até domingo (24), com rajadas entre 50 e 60 km/h em São Francisco de Itabapoana”, alertou Soares. Ele explicou ao VNOTÍCIA que o mau tempo, associado à maré equinocial, considerada a maior do ano, está intensificando o avanço do mar.

“Além de emitir o alerta, nós interditamos dois trechos da Avenida Atlântica, perto do Campo de Fiinho e no trecho próximo à Vazante (Boca da Barra). Devido ao risco de queda de mais árvores. Uma casa de veraneio também foi interditada, devido a um pequeno risco de uma árvore cair sobre o imóvel”, disse o secretário.


O imóvel interditado está fechado, o que indica ser uma casa de veraneio. Ainda de acordo com o secretário, para que o Poder Público retire a árvore com segurança é preciso aguardar a maré baixar.


Maré equinocial

A Maré Equinocial é a que ocorre nos períodos de equinócio, em Março e em Setembro, quando o Sol cruza o plano equatorial terrestre. Ocorre nas transições do verão para o outono e do inverno para a primavera. Nestas ocasiões a amplitude da maré é máxima.


Alerta da Marinha

O alerta para a possibilidade de um ciclone tropical foi feito pelo Centro de Hidrografia Marinha (CHM) em parceria com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/Inpe). O órgão explica que o sistema ocorrerá principalmente no oceano, associado a uma chuva intensa, "com volumes significativos e ventos intensos, com rajadas", podendo chegar a até 89 km/h.


Não está descartada a possibilidade de que os ventos atinjam também a costa do Rio de Janeiro, além da Bahia e do Espírito Santo. A Marinha e o Inpe acompanharão toda a formação do sistema nos próximos dias, com informações pelas redes sociais.


Como se forma um ciclone

Ele é formado através de um sistema rotativo e organizado de nuvens e tempestades que se originaram em águas tropicais ou subtropicais.

Quando a velocidade dos ventos atinge 74 milhas por hora (119 km/ h) ou mais, ele é classificado como furacão, tufão ou ciclone tropical. As nomenclaturas mudam de acordo com a região do mundo onde a tempestade se origina.

Sete itens serão checados pelo Detran em operação que começa em abril nas ruas



Trabalho em forma de blitz vai substituir vistorias que aconteciam nos postos


http://www.vnoticia.com.br/noticia/3596-sete-itens-serao-checados-pelo-detran-em-operacao-que-comeca-em-abril-nas-ruas



Marinha emite alerta para ciclone tropical na costa do ES



Os ventos poderão chegar a mais de 100 km/h. A previsão é de que o ciclone se forme neste sábado (23)


http://vnoticia.com.br/noticia/3595-marinha-emite-alerta-para-ciclone-tropical-na-costa-do-es



Justiça determina afastamento do prefeito de Itaperuna Dr. Vinícius




http://vnoticia.com.br/noticia/3594-justica-determina-afastamento-do-prefeito-de-itaperuna-dr-vinicius


quinta-feira, 21 de março de 2019