Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

segunda-feira, 9 de março de 2015

Família não espera por DNA

Corpo de Tiarles Correa chega a São Domingos nesta terça-feira, onde será velado. 

A família de Tiarles Correa dos Santos, 25 anos, vítima da explosão no Navio Plataforma Cidade de São Matues, no dia 11 de fevereiro, no litoral norte do Espírito Santo, não esperou pelo resultado do DNA para a identificação do corpo.

Nesta segunda-feira, o irmão de Tiarles, Tiago Correa, ligou para o Blog e disse que a família contratou um advogado que conseguiu com o DML Departamento Médico Legal de Vitória (ES) a liberação do corpo através de outro exame das impressões digitais em labortário.

Tiago Correa informou ao Blog na tarde desta segunda-feira, 9, por telefone que o advogado da família já obteve junto ao DLM a liberação do corpo. “Foi feito o exame através de impressões digitais e constatou que é mesmo do meu irmão Tiarles, o último corpo resgatado no navio”, disse.

Agora, segundo Tiago, a empresa dona do navio, BW Offeshore fará o translado do corpo de Tiarles Correa nesta terça-feira, 10, para o município de São Francisco de Itabapoana. 

“Até a liberação do corpo, cumprindo toda a burocracia para liberação da certidão de óbito no cartório de Aracruz (ES) e mais o tempo da viagem, estamos calculando que o carro funerário chegará por volta das 19 horas a São Domingos, na zona rural de São Francisco de Itabapoana nesta terça, 10. O enterro, então, está previsto para quarta-feira, 11 de março, pela manhã no Cemitério de São Francisco de Itabapoana”, diz.

Quando ligou para o Blog na tarde desta segunda-feira, 9, Tiago Correa disse que não foi necessário nenhum membro da família viajar ao Espírito Santo para liberar o corpo.

“Nosso advogado, de posse de uma procuração, é que está agindo tudo. Na quarta-feira vamos por um ponto final nesta situação que tem levado nossa família a mais sofrimento. Queremos dar um sepultamento digno a nosso irmão. Sei que é difícil esta perda. O que temos que fazer é pedir a Deus que nos conforte e esteja no controle de tudo”, concluiu.


O caixão com o corpo permanecerá na comunidade de São Domingos onde acontecerá o velório na igreja Assembléia  de Deus. Ainda na manhã de quarta-feira, pela manhã, sairá o enterro com destino ao Cemitério de São Francisco de Itabapoana. 

Nenhum comentário: