Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Operação Lei Seca pela primeira vez em São Francisco de Itabapoana

Fotos: Vinícius Berto/Blog do Paulo Noel

Blitz foi montada durante a madrugada deste sábado na Praia de Santa Clara

Pela primeira vez o município de São Francisco de Itabapoana recebeu a Operação Lei Seca. A blitz promovida por agentes da Secretaria de Governo do Estado do Rio de Janeiro e do Detran-RJ com o apoio de duas viaturas da Polícia Militar aconteceu durante a madrugada deste sábado, 08-02-14, na Praia de Santa Clara. A operação foi montada na Avenida Osvaldo Resende, próximo ao Circo da Vida. Cerca de 10 agentes permaneceram no local da 0h às 3h30 da madrugada. Nesse período 22 condutores foram parados e fizeram o teste do etilômetro, também conhecido como bafômetro. Desse total 12 foram pegos dirigindo sob efeito de álcool, ou seja, mais da metade.

Há duas formas de se enquadrar o condutor de veículo que é pego dirigindo sob efeito de álcool. Os 12 condutores, entre motoristas e motociclistas, multados em Santa Clara foram enquadrados na primeira forma. Eles assopraram o bafômetro e o resultado deu até 0,29 mg de álcool por litro de ar expelido nos pulmões. Com base no artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) eles cometeram infração gravíssima (7 pontos na CNH), com penalidade de multa de R$ 1.915,40  e suspensão do direito de dirigir por 12 meses. O veículo ainda ficou retido até a apresentação de outro condutor habilitado e em condições de dirigir. Vale lembrar que em caso de reincidência em menos de 12 meses, o valor da multa é dobrado, ou seja, de R$ 3.830,80.

Já na segunda forma de enquadramento da Lei Seca ninguém foi pego. É quando o condutor atinge ou ultrapassar o limite de 0,30 mg de álcool por litro de ar expelido dos pulmões, cometendo crime de trânsito, pelo artigo 306 do CTB, que prevê penas de detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo.

Morador em Campos e veranista da Praia de Santa Clara, Carlos Adriane, 43 anos, aprovou a operação. Ele fez o teste do bafômetro, que deu negativo, indicando teor 0 de álcool. “Esse trabalho é muito importante para coibir a embriagues ao volante. Fico feliz em saber que a Praia de Santa Clara está recebendo a Operação Lei Seca. Todos motorista precisa se conscientizar de que álcool e direção não combinam”, disse Carlos.
                                               
Segundo um dos agentes da operação, até o carnaval novas blitz poderão ser realizadas em São Francisco de Itabapoana. Após quase cinco anos de existência, é a primeira vez que o município recebe a Operação Lei Seca. A iniciativa tornou-se parte do cotidiano do cidadão do Rio de Janeiro e de outras cidades grandes, mudando os hábitos dos motoristas, entretanto no interior a falta de fiscalização contribuía para o desrespeito à Lei Seca.


A Praia de Santa Clara esteve com pouco público na noite desta sexta-feira, algo que já era de se esperar em função do fim das férias escolares.


Leandro Sapucahy entre as atrações deste sábado em São Francisco de Itabapoana


O sambista carioca Leandro Sapucahy será a principal atração deste sábado (08/02)  em São Francisco de Itabapoana. O artista carioca se apresentará na praia de Gargaú, às 23h30, sendo o quarto nome de projeção nacional a realizar show no município neste verão, dentro da programação elaborada pela Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio.

Cinema - Em Gargaú, às 20h30 de sábado, na Praça de São Pedro, acontece o Projeto Cine, iniciativa do governo do Estado do Rio de Janeiro que tem por objetivo levar às cidades do interior do estado cinema ao ar livre. Em São Francisco, o projeto conta com a parceria da Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio. O filme exibido será “Rio”, que conta a aventura da arara Blu e de sua turma na cidade do Rio de Janeiro.

SÁBADO (08/02)

Santa Clara
Desfile Garoto e Garota Verão 2014 -21h
Só Samba – 23h

Gargaú
Cinema da Praça São Pedro -20h30
LendroSapucahy – 23h30

Guaxindiba
DJDérick – 17h

Barra do Itabapoana
Mazinho e Banda – 23h

DOMINGO (09/02)

Gargaú
Banda Catukai – 11h

Guaxindiba
Os feras do pagode – 19h

Barra do Itabapoana

Banda Catukai – 17h

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Avião monomotor faz pouso de emergência em São Francisco de Itabapoana


Uma avião monomotor Vírus prefixo PY- ZZU, fez um pouso de emergência por volta das 14h30m desta sexta-feira, 7, num pasto da propriedade do fazendeiro Amaro "Consórcio" na localidade de Flor de Maio, zona rural de são Francisco de Itabapoana (RJ), próximo da Escola Municipal Ailton Xavier.

Segundo o piloto, o promotor de justiça aposentado Ronaldo Simão, de acordo com o plano de voo, a aeronave decolou de Jacarepaguá no Rio de Janeiro com destino a Bahia. O primeiro pouso seria na Praia de Guarapari no ES.

"A viagem seguia tranquila até quando passando por São Francisco de Itabapoana no RJ a aeronave apresentou  uma pane mecânica. O piloto com habilidade e experiência fez pouso de emergência num pasto, conseguindo aterrissar sem ferimentos", disse o co-piloto, o jornalista e documentarista Carlos Alberto Silva.

Segundo Carlos Alberto, a aeronave passou por revisão antecipada há 10 dias, justamente por causa da viagem que estava programada. Ele e o promotor seguiam para a Bahia para encontrar um amigo, que tem uma propriedade em Canavieiras (BA). Antes estava previsto um pouso na Praia de Guarapari para abastecer.

Segundo Romário Teixeira Bernardo, que é piloto e proprietário do único aeródromo do município, o avião que fez o pouso de emergência é um Vírus importado. "É  o mais seguro de toda categoria. Um avião com tecnologia da NASA e testado pela NASA", disse.


Romário Bernardo colocou os mecânicos do  aeródromo a disposição do piloto. A aeronave foi levada para o aeródromo na Praia de Guaxindiba, litoral de São Francisco de Itabapoana.

Uma viatura da PM esteve no local, assim como uma viatura resgate da Saúde de SFI. Foi um final feliz para um pouso que poderia ter terminado em tragédia.

 




Moradora viu quando a aeronave fez um pouso. "Pensei que todos fossem morrer".
Jornalista e co-piloto fala à Rádio São Francisco FM. "Tivemos muita sorte"

Competição de Fusca Cross neste domingo em Guaxindiba


Velocidade e muita emoção. Essas são as promessas para o próximo domingo (09/02) em Guaxindiba, litoral de São Francisco de Itabapoana, quando acontecerá a Corrida Fusca Cross. Promovida pela equipe Fabrício Cross, a competição terá início às 8h, na pista George Corujão, e conta com apoio da prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer.

A modalidade já é uma tradição no município, onde existe um grande número de adeptos. Para o evento, são esperados em torno de 30 competidores, vindos de várias cidades das regiões Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro e também do Estado do Espírito Santo.

A partir das 8h a pista será liberada para o treino livre. Das 10h às 12h, acontece a tomada de tempo para o grid de largada. Serão três baterias classificatórias com os primeiros quatro colocados em cada uma delas se credenciando para a bateria final, que contará com 12 competidores e irá premiar os cinco primeiros colocados.


– A Secretaria de Esporte e Lazer está sempre de braços abertos para incentivar a prática das diferentes modalidades esportivas no município. O Fusca Cross já uma modalidade de tradição em São Francisco e tem garantido sucesso de público – afirmou o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Noel Junior. (Ascom-SFI)

Jovem de 17 anos morre vítima de tiro no olho


Companheiro da vítima foi o autor do disparo. Ele teria dito aos pais que arma disparou acidentalmente. A Polícia Civil está investigando o homicídio.

Foto do Facebook da Ludimila.
A jovem Ludimila Oliveira Moreira, 17 anos, que morava na localidade de Ponta de Bamburra, Zona Rural de São Francisco de Itabapoana, veio a óbito no Hospital Ferreira Machado na manhã desta sexta-feira (07-02-14), vítima de um tiro que atingiu o seu olho.

Segundo informações da Polícia Militar, o suspeito de autoria  do disparo é  o companheiro de Ludimila, J.C.S., 21 anos,  que morava com a vítima há quatro meses. O fato aconteceu na noite desta quinta-feira, às 19h40. A Polícia Militar foi acionada através do 190, e compareceu ao Posto de Saúde de São Francisco, onde os pais de J.C.S. acompanhavam a vítima. Eles disseram que ouviram o tiro e que o casal estava sozinho no quarto, e que o filho disse que manuseava a arma quando o tiro foi disparado acidentalmente.

A delegada Ivana Morgado vai intimar J.C.S. para comparecer à 147ª Delegacia de Polícia de São Francisco, a fim de prestar esclarecimentos sobre o fato.

Grande expectativa para o Concurso Beleza Verão 2014

Foto: Mayara Paula (Divulgação do site moginews.com.br que promoveu evento de beleza ).


A Praia de Santa Clara, em São Francisco de Itabapoana, recebe neste sábado (08/02), às 20h, no palco oficial, o já tradicional concurso Beleza Verão 2014. Ao todo, foram selecionadas 24 pessoas, entre 102 inscritos. 

O evento tem o apoio da Secretaria de Turismo de São Francisco de Itabapoana e organização do produtor de modelos Guilherme Giró. Os vencedores são eleitos por um júri composto por colunistas, jornalistas e outros nomes ligados ao mundo da moda. Presença confirmada do estilista Nelcimar Pires. O Concurso está em sua 9ª edição e este ano vai contar, além dos participantes, com o desfile da Miss estado do Rio de Janeiro, Orama Valentim e da Miss Campos dos Goytacazes, Arlinda Miranda. 

O show de abertura será com Laysa Lisa e ao final com a banda Só samba. O concurso tem sido um dos atrativos do verão de São Francisco, devendo reunir um grande número de pessoas para acompanhar o desfile dos candidatos e prestigiar o evento. O organizador do evento, Guilherme Giró, fez agradecimentos. “Quero agradecer ao apoio que recebo da Secretaria de Turismo todos os anos, aos empresários locais que sempre nos incentivam e a todos que nos apoiam. Sem eles não seria possível chegarmos até aqui. O sábado promete, todos estão convidados,” comentou Giró.

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Mestre de obras morre em acidente na RJ-224

Acidente envolveu moto e Saveiro em Imburi de Cacimbas, São Francisco de Itabapoana


O mestre de obras de São Francisco de Itabapoana, Ceilson da Silva Rangel, 43 anos, conhecido por Batinado, morreu vítima de acidente envolvendo a moto em que pilotava e uma saveiro, por volta das 6h45m da manhã desta quinta-feira, 6-2, na RJ-224, em Imburi de Cacimbas.

Ambos os veículos seguiam no sentido a Campos, sendo que a saveiro estava a frente. Entre a saveiro e a moto havia um outro carro. A Saveiro, placa LAP 8558, é de produtor rural Ronaldo Souza Bento, 40 anos que reside na localidade de Barro Branco e estava ao volante. Segundo Ronaldo foi tudo muito rápido. "Só percebi quando a moto já havia batido na lateral da Saveiro. Seguia com destino a Imburi, quando próximo ao Posto de Combustível esperei um carro me ultrapassar e fiz a manobra para entrar em minha propriedade, quando fui surpreendido pela Moto", diz.

O irmão da vítima não quis falar, apenas comentou: "Falar o quê? Pelo visto meu irmão não teve culpa. Mas vamos aguardar a perícia", disse.

Ronaldo Souza disse que não costuma entrar na propriedade por este acesso. "Não costumo entrar aí. Eu ia para a roça plantar mudas de abacaxi, onde os camaradas que trabalham comigo esperavam por mim. Lamento esta tragédia", disse.

Duas viaturas resgate , uma do Corpo de Bombeiros e outra da Secretaria de Saúde da prefeitura de SFI chegaram rápido ao local do acidente. Mas infelizmente o rapaz já estava morto.  

Atualizado às 18 horas: O Velório de Ceilson da Silva Rangel, acontece na Igreja Assembléia de Deus em frente ao galpão da Rogil em SFI. O sepultamento será às 8 horas desta sexta-feira, 7 de fevereiro, no cemitério de São Francisco de Itabapoana.






Pescador de Quissamã instala central de energia eólica


Ventos de 20 Km/h geram
energia que alimenta a
cabine de comunicação. 
Em Quissamã, no Norte do Estado, uma antiga comunidade de pescadores artesanais (de água doce e também salgada) vem demonstrando que a preocupação com o meio ambiente pode estar associada à melhorias na qualidade do trabalho. Por duas vezes, a comunidade pesqueira da microbacia Barra do Furado recebeu incentivo para melhoria no material de pesca artesanal e agora se prepara para uma próxima etapa de investimentos. Enquanto o defeso do peixe de água doce não termina, no fim de fevereiro, eles se preparam reformando o material. Mas o trabalho vai além de ajustes em barcos e redes.

Há um ano, um pescador autodidata mantém uma estação de captação de energia eólica, que alimenta uma cabine para comunicação com os colegas em alto mar. Como não depende de eletricidade, a engenhoca torna-se à prova de tempestades. A preocupação com os amigos e os filhos deles fizeram o pescador Vilton Luiz Silva dos Santos, 45 anos, montar por conta própria uma cabine de comunicação alternativa para que toda a comunidade tivesse notícias do mar, principalmente em dias e noites de temporais. A microbacia concentra muitos pescadores e a cabine oficial da colônia é mantida através de energia elétrica que, em dias de temporal, sempre oscila ou tem o abastecimento interrompido. “Quando tem temporal ou falta energia, todos correm para cá. É um alívio ter um canal seguro para falar com quem está em alto mar. Só quem já esteve por lá ou tem filhos e amigos em situação parecida é que sabe como ficamos preocupados. Essa cabine é à prova de apagão”, disse Vilton, considerado uma espécie de “professor Pardal” pelos vizinhos e colegas. Além de servir a comunidade, ele utiliza a captação de energia eólica para carregar baterias de carros, máquinas e barcos e, com isso, aumentar a renda. 

Vilton explica que ventos acima de 20 quilômetros por hora, muito comuns naquela área, geram energia suficiente para o funcionamento da cabine. “É uma segurança essa central dele. Ficamos sempre preocupados com quem está no mar e, depois da invenção do Vilton, nunca mais perdemos o contato com ninguém”, diz o também pescador Evaldo da Silva (68), líder de uma família de sete irmãos pescadores.

A mesma preocupação com os amigos, o pescador inventor mantém com o meio ambiente. Há 20 anos, ele toma conta de um mangue que viu nascer e crescer em frente sua casa, no Canal das Flechas. “Nasceu uma plantinha, depois foram crescendo outras e acabei conseguindo ajuda dos órgãos ambientais para proteger o espaço. Hoje ninguém mexe no mangue. Vigio e recolho o lixo que acaba chegando pela água. Explico para as crianças que o mangue é o berçário do mar e isso é muito importante”, defendeu.

"Quando apresentamos o Rio Rural em Barra do Furado, parecia ser um trabalho muito difícil, mas eles nos surpreenderam. São engajados social e ambientalmente. Na verdade, todos são muito amigos uns dos outros há vários anos e isso reflete na organização comunitária e no ambiente a ser preservado para os descendentes", analisou o técnico agrícola da Emater-Rio, Fábio Oliveira, que executa o Rio Rural, programa da secretaria estadual de Agricultura.

Com a central de energia eólica, nenhum
temporal atrapalha a comunicação.
Além de proporcionar uma convivência mais fácil, o engajamento social fez a microbacia obter, em 2013, R$ 1,5 milhão em financiamento do Pronaf Pesca (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar - Pesca). “Os pescadores buscam financiamento para melhoria dos barcos, compra de equipamentos maiores e melhores. Eles querem melhorar as condições de trabalho e sabem buscar os meios para isso”, explicou Fábio. A expectativa é que neste ano outros pescadores também recebam incentivo do Rio Rural. “Até o momento, 31 pescadores já foram incentivados, mas este ano o número de subprojetos deve crescer ainda mais”, prevê.

O secretário estadual de Agricultura, Christino Áureo, destaca que o litoral norte fluminense possui histórica vocação para a atividade pesqueira, envolvendo grande contingente de famílias, com predominância da pesca artesanal. "A articulação de ações entre o Programa Rio Rural e a Emater-Rio, através da assistência técnica continuada e dos subprojetos ambientais e produtivos, tende a beneficiar cada vez mais os moradores de Barra do Furado com aquisição de novos materiais. Tudo isso vai facilitar o escoamento da produção desse setor", analisou.

Ascom - Rio Rural

Fotos : Flávia Pizelli

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

DER revoga licitação da obra da ponte entre SJB e SFI


Novo processo licitatório foi anunciado e dever acontecer nos próximos 30 dias
O Departamento de Estrada e Rodagens do Rio de Janeiro (DER) revogou a Licitação n° 014/2013 - Concorrência ALC nº 01/2013, bem como o Contrato nº 067/2013, firmado com o Consórcio Ponte Paraíba do Sul, para a construção da ponte que ligaria os municípios de São João da Barra a São Francisco de Itabapoana.

O despacho de 31 de janeiro de 2014 foi divulgado no Diário Oficial desta terça-feira (04/02).

Por telefone, a assessoria de imprensa do DER, informou que o Consórcio Ponte Paraíba do Sul ainda pode recorrer da decisão. Disse também que não há uma data definida para a nova licitação, o que deve ocorrer nos próximos 30 dias.

O consórcio Ponte Paraíba do Sul, formado pelas empresas Imbeg, Imbé Engenharia Ltda. e a Premag, Sistema de Construções Ltda., chegou a iniciar as intervenções para realização das obras, entretanto a construção foi embargada pela Justiça quatro dias depois, no dia 29 de outubro, véspera do lançamento da pedra fundamental.

Na ocasião, por meio de nota à imprensa, o DER informou que o motivo do embargo se deu porque “uma empresa do Rio Grande do Norte que concorreu à licitação, em que saiu vencedor o Consórcio Ponte Paraíba do Sul (Premag e Imbeg), entrou na Justiça questionando o resultado. O Poder Judiciário concedeu liminar à empresa embargando a obra”. A empresa cita pelo DER foi Construtora A. Gaspar que conseguiu uma liminar, proferida pelo Juízo da 7ª Vara da Fazenda Pública.


Na licitação anterior, o custo oficial da obra era de R$ 137,2 milhões. Estão previstos a construção do tabuleiro da ponte que terá 1.344 metros de extensão e uma largura de 16,20 metros englobando duas faixas de rolamento, duas faixas de acostamento e uma faixa de pedestre. Ela ligará a RJ-196 que inicia em Conceição de Macabu até Barra do Itabapoana na divisa com o Espírito Santo. Ligará também a RJ-240 trecho (Açu a Caetá) atravessando pela BR-356 a RJ-196. A distância da ponte até a praia de Gargaú será de, aproximadamente, 19,5 Km e da ponte até Campos 17,5 Km. A RJ-196 obedecerá ao traçado de 12 metros de largura contendo duas pistas de rolamento e duas pistas de acostamento.


Fonte: Ururau
Fotos: Paulo Sérgio Pinheiro / Mauro de Souza / Blog do Paulo Noel

Academia Gracie Barra de Jiu-Jitsu desenvolve projeto social "Lutando pelo bem" em Barra do Itabapoana


O Projeto Social "Lutando pelo bem", esta oferecendo a menores carentes oportunidades de se tornarem cidadãos com perspectiva de futuro, trazendo a integração desses jovens através do Jiu-Jitsu, ensinando os fundamentos desta arte milenar com estimulo ao crescimento pessoal.

"Com isso, estamos formando atletas talentosos que possam representar o país com orgulho e êxito nas competições pelo mundo afora", diz o responsável pelo projeto Wagner Barroso, faixa preta de Jiu-Jitsu.

Segundo Wagner Barroso, este projeto esta focado principalmente na relação com a comunidade, no atendimento a crianças e adolescentes carentes, para aquelas que se encontram em situação de eminente risco social e pessoal.

"A missão é contribuir para a criação de condições e oportunidades afim de que todas as crianças e jovens da nossa região possam desenvolver plenamente o seu potencial como pessoas ,cidadãos e futuros profissionais, utilizando a atividade esportiva como foco principal de todo esse desenvolvimento humano" diz.

O Projeto é GRATUITO e acontece todos os sábados na Academia Gracie Barra ( Barra de Itabapoana) nos seguintes horários:
  
Sábado
14:00 as 15:30 - Jiu-jitsu - Infantil Infantil(3 à 15 anos)
Das 15:30hs às 16:30hs.
Aulas com o Mestre Wagner Barroso
Faixa Preta 2° Grau em Jiu-jitsu

A procura de parceiros quem quiser ajudar entre em contato , 22 99837-9383 ou 21 99947-3700 E-mail. wagnerbguilherme@hotmail.com




segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Complexo Industrial do Porto do Açu recebe mais de 1.800 visitantes em 2013

Fotos: arquivo do Blog do Paulo Noel.
Somente no ano passado, 1.882 pessoas visitaram as obras de construção do Complexo Industrial do Porto do Açu, em São João da Barra. Entre os visitantes estão analistas de mercado, estudantes, autoridades civis e militares, imprensa, empresários, investidores e a comunidade de São João da Barra, que participa por meio do programa de visitas “Superporto Nosso Futuro”. Ao longo do ano foram mais de 700 moradores da região.

O programa de visitas começa pelo Centro de Visitantes (Cevispa) onde é exibido um vídeo sobre o Complexo e apresentada a maquete do empreendimento, passa pelo viveiro de plantas da restinga, pela RPPN Fazenda Caruara, vai até o Centro de Recuperação e Tratamento de Quelônios Marinhos e segue para as obras dos Terminais 1 e 2.

Alunos de renomadas universidades do Brasil e exterior também conheceram o Complexo, como os alunos do curso técnico de logística da Brasil Petro; alunos do Mestrado em Gestão de Cidades da UENF; integrantes da faculdade de Geografia da UERJ; das faculdades de Engenharia Civil e Elétrica, da Delft University, na Holanda; mestrandos em Gestão de Cidades e Planejamento Regional da Universidade Cândido Mendes, entre outros.




Também merecem destaque as visitas de representantes da ANTAQ, INEA, Prefeituras Municipais de São João da Barra, Peruíbe e Três Rios, BNDES, vereadores da Câmara Municipal de São João da Barra, reitorias do IFF e da UENF. Outras visitas importantes de 2013 foram do prefeito de São João da Barra, José Amaro de Souza, do secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, e do secretário estadual de Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro, Julio Bueno. (Assessoria de Imprensa da Prumo Logística. Fotos do arquivo do Blog do Paulo Noel)

Pescador comete suicídio em Gargaú

O pescador Cláudio Caetano de Souza, 45 anos,  conhecido por Cláudio Piolhento teria cometido suicídio na manhã desta segunda-feira, 3, na Praia de Gargaú, litoral de São Francisco de Itabapona. Ele foi encontrado por familiares pendurado em uma corda.

Segundo informações de uma moradora de Gargaú, Cláudio acordou, fez o café, andou pela casa e após amarrar uma corda no caibro da varanda da área de serviço da casa onde morava, na Rua Alcionino Manhães,  resolveu dar fim a vida. A ocorrência foi registrada na 147º DP Legal de São Francisco de Itabapoana. O corpo foi removido para o IML Instituto Médico Legal de Campos.

Eros Biondini encerra com show católico festa de N.S. dos Navegantes em Guaxindiba

O cantor católico mineiro Eros Biondini realizou show, no domingo, após a celebração da missa e procissão que percorreu às principais ruas da comunidade. 

Eros interagiu o tempo todo do show com o público com mensagens de otimismo e fé. Ao final, autografou os CDs adquiridos pelos fãs numa mesa colocado próximo ao palco de show. (Da redação com foto da Ascom ) 

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Jammil e Uma Noites arrasta multidão para show na praia de Santa Clara


Cantando os seus maiores sucessos, a banda Jammil e Uma Noites arrastou milhares de turistas e veranistas para Praia de Santa Clara, litoral de São Francisco de Itabapoana na noite de sábado, 01-01.Uma verdadeira multidão participou do evento promovido pela Secretaria Municipal de Turismo da prefeitura de São Francisco de Itabapoana. 

Ao som dos sucessos do Jammil, tendo a frente o vocalista Levi Lima, a banda fez a alegria de milhares de pessoas numa noite que vai entrar para história como a de maior público já registrado em um evento no litoral de São Francisco de Itabapoana.


Quando a banda Jammil e Uma Noites surgiu no palco o público já aguardava com expectativa a realização de um grande evento: “É muito bom quando se percebe um público tão interessado em estar perto da gente. A energia foi maravilhosa”, contou o vocalista no encerramento do show no camarim da banda. Confira as imagens.



Suspeito de executar esposa de secretário de Obras se entrega na Delegacia de São Francisco

Versan (esquerda) está preso. Filipe e Joel são procurados
Um dos suspeitos de ter matado a pedradas Josenete Gonçalves de Oliveira, 48 anos, mais conhecida como Néia, em São Francisco de Itabapoana (SFI), se apresentou na noite da última quinta-feira (30/1) na 147ª Delegacia Legal (DL/SFI). Segundo informações da Polícia Civil, a apresentação do sobrinho da vítima, Eversan Miguel de Oliveira, o Versan, 36 anos, ocorreu após negociações com os advogados.

O crime foi na tarde do dia 3 de dezembro do ano passado, numa estrada de chão batido próximo à localidade de Espiador, na zona rural do município, em frente à Igreja Evangélica Missão Batista Nova Jerusalém. Néia era esposa do secretário municipal de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos, Roosevelt Batista, e deixou dois filhos. A motivação teria sido questões de herança.

Foragidos - Continuam foragidos o irmão de Néia, Joel Gonçalves de Oliveira, 55, que é morador de Campos, e outro sobrinho dela, Felipe Miguel de Oliveira, 29. Contra os três suspeitos foram expedidos os mandados de prisão temporária por 30 dias. A delegada titular da 147ª DL/SFI, Ivana Morgado, informou que irá solicitar na Justiça os mandados de prisão preventiva.

A delegada esclarece ainda Versan confessou ter praticado o crime sozinho, mas ela acredita que seja uma estratégia da defesa para desviar o foco dos outros acusados. "A autoria está mais que certa com relação aos sobrinhos. Já a participação do irmão precisa ser clareada, entretanto, para nós, da Polícia Civil, já há motivos suficientes para pedir a condenação dos acusados", disse. Informações sobre o paradeiro de Joel e Felipe devem ser passadas aos telefones 190 (Polícia Militar) ou (22) 2789-1322 (147ª DL).

Do Jornal O Diário com informações do Blog do Paulo Noel