Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 4 de outubro de 2014

Três pessoas detidas em SFI acusadas de compra de votos


Averiguando denúncia anônima de compra de votos em São Francisco de Itabapoana, fiscais do TRE-RJ e do Cartório Eleitoral da 130ª Zona Eleitoral apreenderam, no final da manhã deste sábado (04/10), no interior de um veículo, R$12 mil e grande quantidade de "santinhos" de um candidato a deputado estadual.

O material estava com três cabos eleitorais. Eles foram conduzidos até o Cartório Eleitoral para esclarecimentos, mas diante do farto material apreendido, a juíza Daniela Barbosa Assumpção de Souza, determinou a prisão em flagrante das três pessoas. A magistrada é coordenadora estadual de fiscalização, e do Rio de Janeiro teve acesso a fotos do material apreendido e ao relatório preliminar da operação. O flagrante foi registrado na Delegacia da Polícia Federal de Campos, para onde os envolvidos foram levados.


Quanto ao candidato que estaria sendo beneficiado com a suposta compra de votos, segundo o chefe do Cartório Eleitoral de São Francisco de Itabapoana, Jorge Louback, caberá à Procuradoria Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (PRE-RJ) analisar a conduta do  candidato. “O relatório da operação será enviado à PRE-RJ, a quem compete propor as ações cabíveis”, disse. 

Eleições 2014: o que pode e não pode durante o pleito deste domingo

Dividimos em 6 blocos a entrevista concedida à Rádio São Francisco FM, na quinta-feira, 02-10,  pelo chefe do Cartório Eleitoral de São Francisco de Itabapoana, Jorge Loubak e a Analista Judiciária Marina Viana. Durante a entrevista Jorge fala sobre as Eleições deste domingo e responde dúvidas dos ouvintes.











sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Meio Ambiente promove soltura de pássaros apreendidos em SFI


Animais eram criados em cativeiro e foram soltos na Estação Ecológica de Guaxindiba
 
A Secretaria de Meio Ambiente de São Francisco de Itabapoana (SEMASFI) realizou na manhã desta sexta-feira, 03/10, na Estação Ecológica de Guaxindiba, a soltura de vários pássaros silvestres apreendidos em mais uma operação realizada no município. 

Foram reintroduzidos na natureza 36 pássaros, sendo 18 Coleiros, 10 Tisius, 7 Sanhaços e 1 Coleiro do brejo. 

Nesta quinta-feira, policiais militares da Unidade Policiamento Ambiental (UPAM) e a fiscalização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente atuaram em conjunto em mais uma operação de combate a crimes ambientais em São Francisco.

Após uma denúncia anônima, o flagrante foi feito no Bairro da Ponta da Ilha, em São Francisco de Itabapoana, onde um criador mantinha os pássaros em cativeiro. Também foram apreendidas várias gaiolas. O responsável pelos pássaros, um homem de 48 anos, foi autuado na lei de crimes ambientais e levado à 147ª Delegacia Legal. Ele foi ouvido e responderá ao inquérito em liberdade.


Os policiais, mais uma vez, deixaram a disposição da população o disque denúncia (22) 2561-3228. Já o canal para denúncias de crimes ambientais da Secretaria de Meio Ambiente é o e-mail: ambiente.pmsfi@yahoo.com.br.

Fotos: SEMASFI

Cães bravos atacam dona de casa em São Francisco de Itabapoana


Ao se defender animal mordeu o braço da dona de casa. 

Uma dona de cana em São Francisco, esposa de Efraim Luiz, foi ataca por cães quando passava por uma rua na tarde de quarta-feira, 01/10, próximo a Lagoa do Salgadinho no centro da cidade. Segundo Efraim, sua esposa Jôse retornava do colégio Externato Imaculada Conceição onde fora levar o filho. "Já pensou se ela estivesse com nosso filho. O cão saltou para pegar o pescoço dela. A sorte é que utilizando uma bolsa ela se protegeu mais não pode evitar que o animal mordesse o braço", diz. 

No momento alguns pedreiros que trabalham na obra da urbanização da Lagoa do Salgadinho saíram em socorro de Jôse.  

Ao se defender, um dos animais, o pintado da imagem, mordeu o braço da dona de casa que teve que ser atendida no posto de saúde e receber a vacina antirrábica e a receita médica de antibióticos. Segundo Efraim o animal que atacou é da raça Dálmata misturado com Piti bull. 

Efraim Luz , por e-mail,  enviou as imagens e faz um apelo ao proprietário para que prenda os animais. Que não deixe soltos pois representam perigo para os moradores. 


Moradores do Bairro Colina em Praça João Pessoa protestam por falta de energia



Fotos: Kissila Cordeiro.

Centenas de moradores de Colina em Praça João Pessoa, interditaram por cerca de duas horas o acesso a São Paulinho colocando fogo em galhos e pneus no início  da noite de quinta-feira, 2-10. O protesto foi contra a concessionária de energia Ampla que tem oferecido um péssimo serviço a comunidade, principalmente na manutenção.

 “Eles vem consertam a rede e quando vão embora, no dia seguinte começam nossos transtornos com falta de energia. Acho que a rede está "podre”, disse uma moradora. Uma viatura da Polícia Militar esteve no local acompanhando o manifesto que foi pacífico.

Moradores pedem providências aos vereadores da Câmara Municipal de São Francisco de Itabapoana  e sugerem que seja realizada uma audiência pública m convidando os diretores da Ampla para que venham até São Francisco de Itabapoana dar explicações e trazer uma solução definitiva com a recuperação da rede de cabos que está danificada em vários bairros do município. 

A manifestação em Praça Joao Pessoa não foi só pela  falta de luz no Bairro Colina que durou dois dias. O protesto é também pela falta de sinal de celular em toda região. A informação é da internauta Kissila Cordeiro.

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

DER-RJ constrói mais dois quebra-molas na RJ-224 em Imburi



Conforme havia prometido aos moradores, o DER-RJ construiu nesta quinta-feira, 2,  mais duas lombadas na RJ-224 em Imburi, distrito de São Francisco de Itabapoana. O engenheiro do DER-RJ, Dr. Ivan do Amaral Figueiredo havia conversado com os moradores informando que estava  apenas aguardando a confecção das placas de sinalização vertical para começar as obras.


Os moradores chegaram a realizar duas manifestações interditando a Rodovia no trecho próximo ao posto de combustíveis. Conforme o DER-RJ constatou, realmente naquele trecho, uma reta cruzando a comunidade, carecia destas lombadas tendo em vista que os motoristas não respeitam a sinalização e passam em alta velocidade pelo local. “Um mal necessário”, disse um motorista do lugar. 

Chegou a hora da partida: ventos sul ajudam navegador seguir em frente

De Santa Clara próxima parada é Marataízes.



Nesta quinta-feira, 02, chegou o momento da partida. O Blog documentou a despedida de Stueber que desde domingo estava em Santa Clara a espera de bons ventos. Muita emoção no momento da despedida do aventureiro. “Vá com Deus meu amigo. Que você realize seu sonho”, disse o amigo Carlinhos da banda de jornais que deu apoio logístico em Santa Clara ao navegador enquanto ele ficou por lá.  


Desde domingo, 28-09, o catarinense Paulo Stueber, 33, casado e pai de um menino de 7 anos, está em Santa Clara no litoral de São Francisco de Itabapoana, a espera de ventos calmos da Região Sul,  para prosseguir na aventura classificada por ele como um sonho a ser realizado: navegar numa prancha Stand Up Paddle pelo Litoral Brasileiro de Santa Catarina até Belém no Pará.

Até o momento, já percorreu cerca de mil e quatrocentos quilômetros. Começamos perguntando ao aventureiro como surgiu a ideia de encarar o mar, navegando com apenas uma prancha e um remo.
Segundo Paulo Stueber, essa viagem surgiu de um sonho de infância em conhecer o litoral brasileiro num barco a vela.

"Sempre tive este sonho de sair de minha cidade e subir todo o litoral, conhecendo as praias, as culturas, as pessoas, os lugares e a Amazônia. Então esta viagem é uma adaptação desse sonho que eu viabilizei utilizando uma prancha de Stand Up Paddle, que na verdade se torna muito mais difícil, muito mais desafiador, mas totalmente viável”, diz. (Veja mais informações aqui na entrevista concedida ao Blog e à Rádio São Francisco FM)














Evangélicos inauguram igreja União Pentecostal Luz e Vida no Bairro Pedregal em Guaxindiba


Católicos de Pingo D'água promove festa Rainha da Paz

Será no próximo dia 18 de outubro a programação da paróquia de São Francisco de Paula em Pingo D'água, intitulada Rainha da Paz, na Igreja de Nossa Senhora da Penha. 

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Homem suspeito de esfaquear casal de Praça João Pessoa é encontrado morto em Teresópolis


Polícia trabalha com a hipótese de suicídio, mas homicídio não está descartado. Nagela teve alta, mas Natinho segue na UTI do Hospital Ferreira Machado.


Matéria: Blog do Paulo Noel
Fotos: Reprodução Terê TV/Blog do Paulo Noel
Foi encontrado morto na última sexta-feira (26/09), às 12h30, em Teresópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro, o homem apontado pela Polícia Civil como suspeito de ter cometido a dupla tentativa de homicídio em Praça João Pessoa, quando um casal foi agredido a golpes de faca na quarta-feira (24/09). A Polícia Civil em Teresópolis trabalha com a hipótese de suicídio, mas não está descartado um possível homicídio.

Nesta terça-feira, 30/09, o IML de Teresópolis identificou o corpo como sendo de Cristiano Braga dos Santos (foto). O corpo dele foi encontrado dentro de uma trilha de mata fechada, as margens da Rodovia Teresópolis a Itaipava, por duas mulheres que faziam uma caminhada. Ele morreu com um tiro na cabeça. A delegada titular da 147ª Delegacia Legal de São Francisco de Itabapoana, Ivana Morgado, confirmou ao Blog que o corpo encontrado em Teresópolis é mesmo de Cristiano.

A dupla tentativa de homicídio é investigada pela Delegacia de São Francisco de Itabapoana. Donato Martins de Souza (Natinho), 50 anos, e a esposa Nagela Carlos Belmiro, 42 anos foram as vítimas. Nagela recebeu alta do Hospital Ferreira Machado neste domingo (28/09); já Natinho segue em estado grave na UTI do Hospital Ferreira Machado.

A investigação sobre o aparecimento do corpo de Cristiano é de competência da 110ª Delegacia de Polícia de Teresópolis. No primeiro momento, em entrevista ao jornalista policial Claucio Mizael da Terê TV de Teresópolis (veja a entrevista abaixo dessa reportagem), a delegada adjunta de Teresópolis, Juliana Menescal, disse que as investigações preliminares apontavam para suicídio, já que foi encontrado junto ao corpo uma arma e não havia marca na vegetação, que indicaria que o corpo foi arrastado até o local.

Entretanto, segundo apurou Claucio, em conversa com o também delegado adjunto Ronaldo Cavalcanti, a Polícia não descarta a possibilidade de homicídio, já que o tiro que matou Cristiano teria atingido a nuca e teria sido disparado de uma distância de 40 centímetros, além do que a arma teria sido encontrada no meio das pernas de Cristiano. O laudo cadavérico e a perícia no local onde o corpo foi encontrado ainda serão confrontados para ajudar a elucidar o caso. A Polícia também analisa uma sacola suja de sangue que foi encontrada próximo ao corpo.

Em Praça João Pessoa familiares de Natinho e de Cristiano tentam entender os motivos para o que aconteceu. Um clima de profunda consternação se abateu sobre a comunidade. São grandes nas redes sociais as lamentações de familiares das pessoas envolvidas nessa tragédia. Cristiano é de família de Praça João Pessoa, mas morava há alguns anos em Rio das Ostras. Quando morava em Praça João Pessoa chegou a trabalhar na borracharia de Natinho. Os dois eram amigos e Cristiano frequentava a casa de Natinho, inclusive, segundo uma pessoa da família, na noite da tentativa de homicídio Cristiano estava na casa de Natinho e teria jantado com o casal antes de esfaqueá-los.

Nathany Martins, filha de Natinho, visitou o pai na tarde desta quarta-feira, Natinho está apresentando melhoras. Segundo Nathany, ele segue sedado e entubado na UTI, mas segundo os médicos, mesmo sedado reconhece a voz das pessoas.

Veja abaixo a reportagem de Claucio Mizael, direto do local onde o corpo de Cristiano foi encontrado em Teresópolis. O jornalista entrevistou a delegada de Teresópolis. Quando a matéria foi ao ar, na Terê TV Canal 11, o IML não havia identificado o corpo de Cristiano.

Solidariedade humana: mais uma campanha de doação de sangue bem sucedida em SFI


Foram 50 pessoas cadastradas, sendo que 14 não passaram na triagem, totalizando 34 doações de sangue.

Doadores prestigiaram a campanha
Mais uma vez foi um sucesso a campanha de doação de sangue ocorrida nesta terça-feira, 30-09, em São Francisco de Itabapoana. De 8h30 até às 15 horas foram 50 pessoas cadastradas, sendo que 14 não passaram na triagem, totalizando 34 doações de sangue. Foi a segunda vez em 2014 que o ônibus do Hemocentro vem ao município (veja aqui matéria da doação ocorrida no mês de abril).

Para a Assistente Social do Hemocentro Regional de Campos, Maria Gonçalves, o número de doadores foi satisfatório. “Para um dia de semana o número foi muito bom, principalmente se levarmos em conta que a população que doa sangue é uma população ativa que trabalha nesse horário. Geralmente quando enviamos o ônibus para municípios menores o número de doações é até mais baixo do coletado em São Francisco. Isso demostra que a população sanfranciscana é solidária a essa causa”, disse a Assistente Social.

Jornalista Vinícius Berto doou pela 4ª vez
O jornalista Vinícius Berto, que integra a equipe do Blog e da Rádio São Francisco FM, participou da campanha de doação de sangue. “Doar sangue é um gesto de solidariedade humana. Sempre que posso tenho participado das campanhas. Essa foi a quarta vez que doei e convoco mais pessoas a entrar nessa corrente do bem e se tornar um doador”, comentou Vinícius.

Em entrevista à Rádio São Francisco, a diretora técnica do Hemocentro, Dra. Daniela Tudesco, disse que uma única doação pode salvar a vida de quatro pessoas. “O sangue passa por um processamento, e são separadas as bolsas de acordo com a necessidade do paciente. Geralmente de uma bolsa de sangue, após o processamento, é possível preparar quatro bolsas”, disse a médica.

Dra. Daniela Tudesco comandou a equipe 
Os requisitos para ser doador é estar bem de saúde, pesar no mínimo 50kg, não estar em jejum, mas evitar alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem à doação e ter entre 16 e 69 anos (incompletos). Jovens de 16 e 17 anos podem doar com autorização dos pais e/ou responsáveis legais. Os idosos entre 60 e 69 anos poderão doar apenas se já tiverem doado anteriormente.


Qualquer dúvida pode ser esclarecida pelo telefone gratuito do Hemocentro Regional 0800-2820-250.

Debate na Globo reúne cinco candidatos ao governo do RJ


Assista aqui ao debate em vídeo no G1
Veja aqui o que os candidatos ao governo do RJ disseram após o debate

Cinco candidatos ao governo do Rio de Janeiro participaram, na noite desta terça-feira (30), do último debate da disputa estadual, realizado pela TV Globo na Central Globo de Produção, na Zona Oeste do Rio. Estiveram presentes Anthony Garotinho (PR), Lindberg Farias (PT), Luiz Fernando Pezão (PMDB), Marcelo Crivella (PRB) e Tarcísio Motta (PSOL), candidatos de partidos com representação na Câmara dos Deputados (o G1 acompanhou o debate em tempo real).

O debate, mediado por Ana Paula Araújo, teve quatro blocos. No primeiro e no terceiro foram discutidos temas livres escolhidos pelo candidato que fez a pergunta. No segundo e no quarto, entraram em pauta temas determinados por sorteio feito pela mediadora durante debate. Cada candidato teve 30 segundos para formular a pergunta, um minuto e 30 segundos para a resposta, um minuto para réplica e um minuto para tréplica.

No primeiro bloco, todos os candidatos tiveram que ser perguntados uma vez. Nos blocos seguintes, cada um pôde ser escolhido para responder a, no máximo, duas perguntas. Ao final do quarto bloco, cada candidato teve um minuto e meio para fazer suas considerações finais, por ordem definida por sorteio.

Anthony Garotinho foi o primeiro, seguido de Tarcísio Motta, Marcelo Crivella, Luiz Fernando Pezão e Lindberg Farias.

Garotinho lembrou que sua campanha está na reta final e agradeceu os eleitores que têm esperanças de um governo que, segundo ele, irá reduzir o preço das passagens e o preço do IPVA em 50%. “Quer um governo que se preocupe com as pessoas, cuide dos hospitais, coloque o povo em primeiro lugar? Domingo, a decisão é sua. Domingo é dia de pensar se você quer o governo para todos ou para poucos”, afirmou.

O candidato Tarcísio Motta pediu mudanças e renovação no governo. “Para que nunca mais tenhamos Amarildos, Claudias e DGs. Para que nunca mais tenhamos bombas jogadas em professores”, disse. “Se até o candidato que é governador fala em mudança no seu lema, é porque o que o Rio de Janeiro precisa é de mudança", completa.
Marcelo Crivella afirmou que não tem do que se envergonhar. “Não envergonhei o povo fluminense. Nem um só processo civil, criminal ou federal. Sou ficha limpa. Gostaria de ser o seu candidato. O candidato da sua indignação de ver uma classe política que enriquece de forma perdulária enquanto saúde, educação, transporte e segurança estão um caos", disse.

O governador e candidato à reeleição Luiz Fernando Pezão afirmou que só estará satisfeito quando vir a Região Metropolitana e Baixada Fluminense com segurança em todas as áreas. "A mudança só começou. Só vou estar satisfeito quando levar água daqui a dois anos para a Baixada. Só vou estar satisfeito quando vir os jovens ocuparem os postos de trabalho nas empresas". disse.

O candidato Lindberg Farias afirmou que gostaria de ter discutido mais temas, como segurança pública e saúde. “Hoje não temos certeza de que um filho que sai voltará para casa. As maiores vitimas são jovens negros. A polícia militarizada é despreparada. Eu queria ter falado mais sobre saúde, contratar médicos, valorizar os profissionais com plano de cargos e salários. Num debate desses, você pôde ver as propostas de cada um", afirmou.


Fonte: G1

Agenda cultural: Festas em Barro Branco e Alegria dos Anjos


Clique nos cartazes para ampliá-los



terça-feira, 30 de setembro de 2014

Contas de 2013 da gestão Pedrinho Cherene aprovadas pelo TCE-RJ


Em sessão plenária desta terça-feira, 30-09, o Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro aprovou as contas da gestão do prefeito de São Francisco de Itabapoana Pedrinho Cherene, referentes ao exercício 2013. Os conselheiros aprovaram por unanimidade, seguindo voto do relator, conselheiro Marco Antônio Barbosa de Alencar. O parecer favorável será enviado à Câmara Municipal para apreciação final.

Receita Corrente – A Receita Corrente Líquida (RCL), que serve de base para apuração dos limites legais em gastos com pessoal entre outros, foi de R$ 101.611.144,80 no segundo semestre de 2013. A RCL é formada pela soma das receitas tributárias, contribuições patrimoniais, industriais, agropecuárias, de serviços e transferências correntes.

Gasto com pessoal – A despesa total com pessoal do Poder Executivo de São Francisco de Itabapoana ficou dentro do limite imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), que fixa o gasto ao máximo de 54% da RCL. No primeiro semestre de 2013, a prefeitura desembolsou R$ 47.873.136,90 (50,37% da RCL) e no segundo semestre, R$ 51.002.332,80 (50,19% da RCL).

Educação – Do total da receita com impostos arrecadados e transferências, que foi de R$ 65.996.659,04 no exercício de 2013, o município aplicou o percentual de 31,57% na manutenção e no desenvolvimento do ensino, estando de acordo com o artigo 212 da Constituição Federal que exige um mínimo de 25%. O gasto com a rubrica foi de R$ 20.832.960,50.

Fundeb – As despesas com a remuneração dos profissionais do magistério em efetivo exercício de suas atividades no ensino fundamental público, com recursos provenientes do Fundo de Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), atingiram o montante de R$ 14.098.496,84, que corresponde a 61,55% dos recursos recebidos à conta do Fundo, atendendo ao disposto no art. 22 da Lei Federal n.º 11.494/07, que exige o mínimo de 60%.

Saúde – A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana aplicou em ações e serviços públicos de saúde o valor de R$ 13.742.320,64, o que representou 21,04% do total das receitas com impostos e transferências que foi de R$ 65.307.498,07 no período. O resultado indica que a aplicação ficou acima do percentual mínimo a ser cumprido, de 15%, conforme determinado pela Constituição Federal. Os recursos destinados às ações e serviços públicos de saúde foram geridos diretamente pelo Fundo Municipal de Saúde.


Blog do Paulo Noel / Ascom -TCE RJ 

Animação na Festa do Abacaxi em Coréia e teatro na Festa de São Miguel em Sossego


O Blog esteve presente em festas que animaram o município neste fim de semana. Em Coréia aconteceu a Festa do Abacaxi. O evento organizado pela Amac – Associação de Moradores de Coréia, contou com a participação de cavaleiros e amazonas, que abrilhantaram o evento com a cavalgada. Neste domingo, no palco, o som ficou por conta de Juninho do Forró e Amigos do Forró. O Blog parabeniza a Vaninha, presidente da Amac, e toda a diretoria pela Festa.

Nesta segunda-feira, 29-09, a lente do Blog registrou a Festa de São Miguel Arcanjo em Sossego. Um momento especial foi a apresentação teatral do Grupo Evangelizarte, da Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes, em Guaxindiba. Parabéns às crianças e adolescentes que deram um show, evangelizando através da arte do teatro.


Confira algumas imagens:

Coréia:






Sossego:





TV Globo promove debate com candidatos para governador do RJ nesta terça-feira


Garotinho (PR), Crivella (PRB), Pezão (PMDB), Lindberg (PT) e Tarcísio (PSOL) participam do debate

A Globo promove nesta terça-feira (30), logo após a novela ‘Império’, o debate entre os candidatos ao governo do Rio de Janeiro. Mediado pela jornalista Ana Paula Araújo, o debate terá a participação dos cinco candidatos de partidos com representação na Câmara dos Deputados: Anthony Garotinho (PR), Lindberg Farias (PT), Luiz Fernando Pezão (PMDB), Marcelo Crivella (PRB) e Tarcísio Motta (PSOL).

O debate, que será transmitido também em tempo real pelo G1, terá quatro blocos. O primeiro e o terceiro serão de temas livres escolhidos pelo candidato que faz a pergunta; o segundo e o quarto, de temas determinados por sorteio feito pela mediadora no momento do debate. Pela dinâmica, serão 30 segundos para formulação da pergunta, um minuto e 30 segundos para a resposta, um minuto para réplica e um minuto para tréplica.

Apenas no primeiro bloco, todos os candidatos terão que ser perguntados uma vez. Nos blocos seguintes, cada candidato poderá ser escolhido para responder a, no máximo, duas perguntas. Ao final do quarto bloco, cada candidato terá um minuto e meio para fazer suas considerações finais. Por ordem definida por sorteio, Anthony Garotinho será o primeiro, seguido de Tarcísio Motta, Marcelo Crivella, Luiz Fernando Pezão e Lindberg Farias.

Em caso de ausência de algum candidato, seu lugar permanecerá vazio com uma placa que o identifique pelo nome. (Fonte: G1-Rio)

PRE quer cassar registro de Pezão por conceder reajustes ao funcionalismo durante período eleitoral


A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE/RJ) quer a cassação do registro da candidatura do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) por publicar, em junho e julho, leis que concederam reajustes para 24 carreiras do funcionalismo público estadual, além de reestruturar e criar planos de carreiras para diversos órgãos públicos. Para garantir eleições equilibradas, a legislação proíbe a realização de revisão geral de remuneração, a partir de 8 de abril até a posse dos eleitos, que superem os índices de inflação constatados no ano das eleições (Lei 9.504/97, art. 73, VIII c/c Resolução TSE nº 23.404, art. 50, inciso VIII). (v. calendário eleitoral aqui)

“A norma busca garantir que a máquina pública não seja usada para provocar um desequilíbrio no pleito. Por isso, são proibidos aumentos da remuneração acima da perda do poder aquisitivo”, diz a procuradora regional eleitoral substituta Adriana Farias, autora da ação por abuso de poder político e conduta vedada. “A conduta abusiva do governador candidato à reeleição é demonstrada pelos inúmeros aumentos salariais acima do índice permitido e diversas reestruturações de órgãos. Isto tudo na iminência da deflagração do processo eleitoral.”

Na ação de investigação judicial eleitoral (a terceira da PRE contra Pezão), a procuradora regional eleitoral substituta pede ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que eles tenham os registros cassados e fiquem inelegíveis até 2022, seguindo o prazo ampliado pela Lei da Ficha Limpa, além de se sujeitarem à multa que pode chegar até R$ 106.410.

A ação da PRE enumera as leis publicadas em 25, 27 e 30 de junho e 1º e 2 de julho que evidenciam o abuso de poder político e a conduta vedada. Entre as categorias contempladas com reajuste após o período autorizado pela lei, estão professores, policiais civis e militares, bombeiros militares, servidores da Alerj, do Tribunal de Contas, Detran, entre outros.

Apesar de uma das sanções prever a suspensão imediata do ato impugnado, a PRE deixou claro não ser a medida cabível, já que a ação visou a atacar tão somente o oportunismo eleitoreiro do chefe do Executivo estadual, e que deveria ser preservado o direito dos milhares de servidores a um justo salário.

“Não se discute a legalidade ou justeza dos atos que favoreceram milhares de trabalhadores, mas, sobretudo, o oportunismo do atual governador do estado do Rio de Janeiro, para, 'presenteando' a massa do funcionalismo público, atrair para si simpatia política, visando estritamente à sua reeleição”, afirmou a procuradora.

Fonte: Ascom-Procuradoria Regional Eleitoral/RJ
Foto: Agência Senado

Navegar é preciso: utilizando uma prancha stande up paddle catarinense quer chegar a Belém no Pará remando

Domingo, 28, ele chegou à Praia de Santa Clara, no litoral de São Francisco de Itabapoana (RJ)


Desde domingo, 28-09, o catarinense Paulo Stueber, 33, casado e pai de um menino de 7 anos, está em Santa Clara no litoral de São Francisco de Itabapoana, a espera de ventos calmos da Região Sul,  para prosseguir na aventura classificada por ele como um sonho a ser realizado: navegar numa prancha Stand Up Paddle pelo Litoral Brasileiro de Santa Catarina até Belém no Pará.


Desde janeiro navegando, Paulo Stueber, deu uma parada  em Santa Clara. Enquanto esperava os ventos calmos  concedeu entrevista ao Blog do Paulo Noel e a Rádio São Francisco FM.

Até o momento, já percorreu cerca de mil e quatrocentos quilômetros. Começamos perguntando ao aventureiro como surgiu a ideia de encarar o mar, navegando com apenas uma prancha e um remo.

Segundo Paulo Stueber, essa viagem surgiu de um sonho de infância em conhecer o litoral brasileiro num barco a vela.

"Sempre tive este sonho de sair de minha cidade e subir todo o litoral, conhecendo as praias, as culturas, as pessoas, os lugares e a Amazônia. Então esta viagem é uma adaptação desse sonho que eu viabilizei utilizando uma prancha de Stand Up Paddle, que na verdade se torna muito mais difícil, muito mais desafiador, mas totalmente viável”, diz.

Acompanhamos o Stueber até às areias da praia de Santa Clara, onde próximo ao berçário de tartarugas onde havia escondido seus equipamentos, cobrindo de areia. É que, na passagem por Búzio ele teve a prancha roubada.
 

Os equipamentos mínimos levados: a prancha tem 14 pés, quatro metros de cumprimento e um remo. A prancha tem pouco capacidade de carga e por isso teve que ser muito bem estudado na seleção do que levar.         “Eu tenho uma bolsa estanque de 35 litros, saco de dormir, kit de primeiros socorros, poucas mudas de roupas e uma mochila de hidratação.


Stueber saiu de um rio em Blumenau e levou 70km até chegar ao mar, em Itajaí (SC). Durante a viagem, ele parava nas cidades e se aproximava das famílias, que o ajudavam com a alimentação e hospedagem. Apesar de nem sempre estar nas condições ideias, ele comemorou a realização do sonho.
- Já velejei, então tenho muito conhecimento de navegação, de vento. De fato, nunca tinha andado de stand up. No dia que sai, foi a segunda vez que tinha subido em uma prancha.

Com a primeira etapa já concluída, ele agora se prepara para navegar de Santa Clara até  a Salvador e até o fim do ano fechar a costa indo da capital da Bahia até Belém.

Em Santa Clara, o navegador aventureiro está contando com apoio do comerciante Carlinhos, dono de uma banca de jornais. Mas, tão logo a matéria foi publicada, outros apoios já surgiram, dentre eles do biólogo Tiago do Projeto Tamar que disponibilizou bonés e camisetas do projeto além de protetor solar. "Acho legal, pessoas que se preocupam com o meio ambiente. Ele quer chegar ao Rio Amazonas e chamar atenção para a preservação da natureza, da necessidade que temos de cada vez mais proteger nossos rios e fontes naturais", diz.


Segundo Stueber dependendo do vento, a média de remada por dia chega a sete horas. “Por exemplo, remei de Búzio a Macaé, cerca de 43 quilômetros sem parar”, diz. 

Ao passar em baixo da ponte do Porto do Açu ele ficou impressionado com o projeto e disse que tem uma opinião controversa ao progresso: “É uma obra mirabolante e, se isso traz em sua conclusão e continuidade benefício para a comunidade, acho positivo”.

Sobre momentos de solidão.

Segundo Stueber somente em um momento, durante a noite, quando ainda estava no Itajaí, foi que sentiu solidão.  

Não pensei em desistir, estou convicto da minha missão. Estou num ambiente natural do qual gosto. Mas no primeiro dia da expedição foi quando senti muita solidão. Sai de Blumenau descendo o Rio até chegar a Itajaí e naquele primeiro dia dormi na prancha e, algumas horas antes de deitar, passei por um processo de uns dez minutos pensando no que eu estava fazendo ali. Neste momento veio um momento de solidão. Mas quando eu deitei na prancha e olhei para o céu estrelado, senti a presença de Deus como nunca em minha vida”, disse.

O Paulo Stueber está documento toda a aventura. “Tenho um material de vídeo e fotos bem farto. A ideia de escrever um livro é uma ideia que me encanta muito.  Acho que compartilhar em detalhes, com as pessoas que se interessam,  será uma benção. Mas, claro que sei que deve ser tão desafiador escrever um livro quando remar nesta expedição. Mas pretendo sim escrever um livro”, concluiu o aventureiro.