Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Do Blog do Noblat: O triste canto pelo jornal impresso

Do site Jornalismo nas Américas:
Muitos jornalistas reclamam das mudanças que a internet trouxe para a profissão, com a queda de popularidade dos jornais impressos. Mas o diário canadense The Globe and Mail foi mais longe: publicou um vídeo na web com uma música de lamento pela perda de espaço para os blogs e serviços de notícias online. A música "Cantando sobre o infortúnio do jornal" é cantada a capela pelo quarteto "The Fine Grind". A letra é do repórter Siri Agrell, do Globe and Mail, feita com base na melodia da canção "Crazy", do grupo americano Gnarls Barkley.
.
Veja a tradução da letra para o português:
.
Lembro quando os leitores tinham tempo, diziam que havia algo de prazeroso sobre a página de jornal.
Mas agora a web responde com tanto espaço...
E quando você está online, sem tempo Sim, você diz que o impresso parece desatualizado
Mas não é porque a gente não sabe o bastante, a gente simplesmente sabe demais
Isso nos torna loucos, querer que você nos leia?
Eu sei que os blogs estão no melhor momento de suas vidas
Mas verifique seus fatos duas vezes esse é meu único conselho
Qual é, Ariana, quem você acha que é? A web 2.0
Você realmente acha que está no controle? Oh, não
Acho que é preguiçoso
Agregar é preguiçoso
Acho que é preguiçoso
Por que você não lê?
Meus heróis tinham a coragem de fazer reportagens no mundo inteiro
E tudo o que eu lembro é de pensar: quero escrever como eles
Desde quando éramos pequenos os jornais pareciam divertidos
E mesmo agora que a internet apareceu eles não vão morrer
Talvez nós estejamos loucos
Talvez você esteja louco
Talvez estejamos loucos, provavelmente...

Horário de verão que acaba hoje gerou economia de 0,5% no consumo de energia

Brasília - O horário de verão termina às 24 horas de hoje (20), nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Nestas regiões, os relógios devem ser atrasados em uma hora à meia-noite. A economia de energia com o horário de verão este ano, segundo o Ministério de Minas e Energia, é estimada em 0,5%, o que corresponde a cerca de 560 gigawatts (GWh) no Sudeste e Centro-Oeste e de 226 GWh no Sul. Já a redução da demanda deve ficar em 4,5% nas regiões Sudeste e Centro-Oeste (1.900 MW) – o suficiente para abastecer uma cidade com 5 milhões de habitantes. No Sul, a previsão é de 4,7% o que representa 575 MW, correspondente a uma cidade com 1,5 milhão de pessoas. (Jorge WamburgRepórter da Agência Brasil)

Programa do PT manterá aposta no consumo popular

Documento ainda não definitivo sustenta que eventual governo de Dilma manterá a aposta na expansão do consumo popular.



Brasília – No discurso já como pré-candidata à sucessão presidencial, a chefe da Casa Civil, ministra Dilma Rousseff, delineou para a militância petista, na presença maciça de ministros, as diretrizes do seu programa de governo. O documento, ainda não definitivo, sustenta que um eventual governo de Dilma manterá a aposta na expansão do consumo popular e no seu “forte impacto” no setor produtivo, a exemplo do que ocorreu na crise econômica de 2009. E afirma que o “compromisso social” do governo Lula será aprofundado. “O consumo do povo brasileiro sustentou o Brasil diante do medo que se abateu sobre o sistema financeiro internacional”, disse Dilma. O programa de governo do PT não dedica um capítulo específico à política agrária, mas incluiu, como parte da estratégia de aumento do consumo popular, a “intensificação dos assentamentos e apoio técnico aos trabalhadores sem terra” e o fortalecimento da agricultura familiar. O documento prevê ainda a continuidade do Programa de Aceleração do Crescimento em suas duas versões e do Minha Casa, Minha Vida, que a pré-candidata considera decisivos. “O PAC 1, o PAC 2 e o programa Minha Casa, Minha Vida serão decisivos para melhorar as condições de vida dos brasileiros e resolver o que é uma das maiores chagas da historia do Brasil, que é a população ser obrigada a viver em favelas”, ressaltou a ministra. Na tentativa de emitir uma mensagem de confiança, a pré-candidata discursou: “Não mudamos, como se fez no passado, as regras do jogo no meio da partida.” E, em uma das referências ao passado da luta armada, provocou: “Preferimos as vozes injustas e caluniosas da oposição ao silêncio das ditaduras.” (Lísia Gusmão- Repórter da Agência Brasil)

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Como anda a construção de Porto na Praia das Neves, no Espírito Santo?

Talvez pelo fato do Porto do Açu, em São João da Barra, ter causado tanta polêmica em suas fases de licenciamento, quase não há informações sobre o Porto que deverá ser construído em Presidente Kennedy, no sul do Espírito Santo.

Pelo menos foi assinado um protocolo de intenções entre o Governo do Espírito Santo e o grupo Ferrous Resources – fundo que reúne investidores da Inglaterra, Austrália, Estados Unidos e Brasil – para a construção de um porto na Praia das Neves.

Com projetos de investir US$ 5,7 bilhões no Brasil até 2013 - sendo US$ 2,7 bilhões no Espírito Santo, a Ferrous Ressources do Brasil anunciou que o porto será de grande calado, e ainda três usinas de pelotização, além de um mineroduto ligando Minas Gerais ao Espírito Santo.

A Praia das Neves fica coladinha com a Barra do Itabapoana, no município de São Francisco de Itabapoana, no Rio de Janeiro, onde os impactos deverão ser sentidos fortemente - mas que ainda não se tem ideia de quanto e quais as condicionantes o empreendimento terá que cumprir.

Pelas informações esparsas que existem, as obras devem começar no segundo semestre de 2010. Quem tiver mais informações sobre esse empreendimento, por favor compartilhe conosco.

Por enquanto, há alguns links de matérias da imprensa, feitas no ano passado:
http://gazetaonline.globo.com/
http://sindamares.com.br/
http://www.portodevitoria.com.br/noticias
Aproveite também e veja o vídeo sobre o manguezal do rio Itabapoana, feito pelo Observatório Ambiental de Barra do Itabapoana:
http://www.humanomar.com.br/topico/video-do-mangue-do-rio-de-itabapoana
(Agradeço colaboração de UELLINGTON DESIGNER que enviou esta matéria.)

Ainda sobre o carnaval de Gargaú

Recebemos mais um e-mail, desta feita de Sandra Rizzi sandrarizzi@hotmail.com comentando sobre o carnaval de Gargaú e concordando com Beatriz Vieira no que diz respeito as discussões inúteis...
.
Bom dia a todos! Concordo com Beatriz Vieira no que diz respeito as discussões inúteis sobre quem fez o que e o quanto receberam de ajuda. O que importa é o objetivo e o empenho. Agora,em relação a todos os comentários feitos sobre o carnaval de nossa amada Gargaú,aquela Gargaú tão pobre de recursos e rica de encantos, tradição, lendas e história que poucos conhecem. Fico feliz em ver que todos os que participam se importam e amam verdadeiramente nossa praia. Gargaú é assim... só permanece quem ama de verdade. Agora...sejamos justos. Em primeiro lugar ,antes de falar sobre qualquer assunto precisamos conhecê-lo. Por isso sugiro que o trabalho em relação ao carnaval, não seja feito apenas no verão. Que os comentaristas passem a frequentar os lugares onde se reunem a diretoria, os carnavalescos e simpatizantes de cada agremiação. Assim, poderão saber o quanto de empenho,responsabilidade e amor são investidos. Posso falar pelo meu o "Boi Canário".O trabalho e as reuniões são feitas durante o ano todo e o único objetivo é a alegria. Corremos muuuuito atrás ajuda e patrocinadores para conseguirmos apresentar um carnaval digno do povo.Quem paga,paga com prazer por que conhece a seriedade do trabalho mas jamais quem não tem condições,deixou de se divertir e aproveitar nosso carnaval.A ajuda que a prefeitura nos dá é muito bem vinda mas, não cobre todas as despesas por isso temos que batalhar para apresentar o carnaval nosso povo merece. Ressalto que depois de muita luta,conseguimos um trio com o Deputado João Peixoto, trio esse que quebrou e acabou o desfile empurrado pelos diretores do Boi e só não chegou até a praça do samba de Gargaú por motivos de segurança. A polícia advertiu sobre o perigo de pessoas caírem na água no pontilhão que vai até os quiosques. Isso são apenas algumas coisas que tivemos que enfrentar para colocar o nosso carnaval na rua. Agora vamos falar em tradição. Tradição é povo feliz! Por isso, acompanhamos a evolução dos tempos sem nos afastarmos de nossas raízes.Amamos o carnaval,amamos Gargaú e continuaremos dando o melhor de nós para apresentarmos a cada ano um carnaval mais bonito.
Sandra Rizzi Ribeiro(Mãe de Wagner Rizzi e nora do saudoso poeta,compositor e carnavalesco Waldo Ribeiro Pessanha.)

E o progresso continua a chegar...




Ontem (18-02), no início da noite, chegaram mais cinco carretas transportando equipamentos para o Parque de Energia Eólica de Gargaú. A cada passagem das carretas vamos percebendo a grandiosidade do empreendimento e a dimensão do progresso que chega para São Francisco de Itabapoana. Cada carreta traz uma pá de 40 metros de comprimento.

A operação de transporte envolve um esquema especial durante o trajeto do Rio de Janeiro até São Francisco e conta com a escolta particular e apoio das policias rodoviária federal (Br101) e estadual (RJ 224).

O esquema especial de transporte envolve carretas tipo extensiva e prancha. Cada carreta tem 45 metros de comprimento e 2,6 metros de largura e a carga é de nove toneladas. Para se ter uma idéia, o comprimento de cada uma corresponde ao tamanho de duas carretas do tipo “cegonheira”. Já as carretas do tipo prancha sairão do Recife transportando as torres metálicas até São Francisco. Cada uma tem 18 metros de comprimento e três de largura. As cargas terão em média 54 toneladas. Cada carreta desenvolve em média 25 km/h e o trajeto do Rio até o Parque Eólico vai durar cerca de 32 h de viagem.

Segundo o engenheiro da empresa, Miguel Fracchia Jr., alguns trevos de Campos e São Francisco de Itabapoana tiveram que ser mexidos para a passagem das carretas. Em Campos, um dos pontos críticos é na subida da ponte General Dutra. Já em São Francisco uma parte do trevo no centro da cidade teve que ser removida.

O empreendimento

Com investimento em torno de R$ 130 milhões, São Francisco Itabapoana vai sediar o primeiro parque de energia eólica da região Sudeste. O parque terá 17 aerogeradores de 1,65 MW cada, somando uma potência total de 28 MW, o suficiente para abastecer uma cidade de 80 mil habitantes. O empreendimento é da empresa brasileira Ecopart Ltda.

Cada aerogerador tem 120 metros: 80 metros de altura da torre, mais 40 metros da pá da hélice, altura equivalente a um prédio de 40 andares. Para que o projeto fosse implantado, um estudo de aproximadamente um ano e meio foi realizado para verificação da capacidade e do perfil dos ventos em todas as estações. Os especialistas chegaram à conclusão que o litoral de São Francisco é propício para geração de energia eólica devido à existência de vento constante durante todo ano.
Com informações da Ascom-SFI
Fotos: Vinícius Berto

Turista do Rio comenta sobre carnaval de Gargaú

Recebemos e-mail de Beatriz Vieira que faz algumas observações sobre o carnaval de Gargaú.
.
Olá Paulo Noel, Sou turista do Rio de Janeiro e adoro carnaval. Já estive em Gargaú alguns anos atrás e a convite de amigos resolvi retornar.Me diverti muito, primeiro na abertura do carnaval em São Francisco assistindo ao desfile do Bloco Status, e em Gargaú me acabei no Bloco 51, no Boi Cánario, no Boi Pernambuco e no Unidos de Gargaú.Retornando ao Rio De Janeiro, resolvi entrar no seu blog e me surpreendi ao ler os comentários dos internautas sobre os blocos. Que um bloco deu isso, o outro deu aquilo, que um é melhor que o outro. No meu modo de ver, discussão boba e inútil, que no final, quem acaba perdendo é Gargaú. Retornando ao passado, pergunto eu. Quem não se lembra do Boi Dourado? Quanta saudade!Assim como eu, turista que sou, muita gente da localidade deve ficar se perguntando. Porque ele não torna a abrilhantar o carnaval de Gargaú?Soube através de amigos, que no carnaval do ano passado o Sr. Gian, então presidente do extinto Boi Dourado exibiu num telão em plena Praça do Samba um DVD que relembrava a década de 91 a 2000 e que muita gente se emocionou com o documentário. Daria tudo para assistir, mas infelizmente não deu.Sei que a familia e amigos, já fizeram e pelo visto, continuam fazendo por Gargaú. Mas vai aqui uma sugestão ao Sr Gian e aos presidentes de blocos. Porque não criar uma associação de blocos e acabar de uma vez por todas com a eterna polêmica e rixa, de que um recebeu mais dinheiro de subvenção da prefeitura do que o outro? Espero que os blocos continuem abrilhantando o carnaval de Gargaú, cada um dentro de seus limites e condições e que se lembrem sempre do velho ditado.
"A UNIÂO FAZ A FORÇA" Grande Abraço,Beatriz Vieira

Unidos de Gargaú pede passagem

Recebemos do companheiro do R. C. São Francisco de Itabapoana Jose Amilton Barreto da Silva solicitação de postagem de um texto sobre o Bloco de Samba Unidos de Gargaú.
.
Amigo Paulo Noel, solicito seja este artigo, em anexo, postado no seu blog,
BLOCO DE SAMBA UNIDOS DE GARGAÚ
.
HISTÓRICO
O BSUG, é uma Agremiação Carnavalesca, ainda criança com 7 anos de idade, criada na praia de Gargaú, município de São Francisco de Itabapoana, RJ, com o objetivo de manter viva a chama do carnaval centenário desta praia.7 anos sim mas com uma diretoria formada por membros oriundos de um mesmo “UNIDOS DE GARGAÚ”, que brilhou a cinco décadas atrás
Seu SÍMBOLO é um CAMARÃO, com desfiles marcados por grande presença de foliões, média de 6000 pessoas, com muita paz, sem qualquer histórico de confusão ou violência.
ENREDOS E TEMAS: seus enredos buscam temas atuais que visam sempre destacar o nome e as belezas naturais de Gargaú, exaltando a Ecologia, o meio ambiente, nossos manguezais, lagoas e a natureza como um todo; além da história, cultura e tradição de seu Povo. Fala da origem de sua gente e seus principais sonhos e lendas.
LETRISTAS: seus principais letristas São: Renato da Rogil em parceria com o Cel Amilton, Roberto Acrusche e Laudo da Colônia.
Principais Sambas:
lenda do mangue da moça bonita;
as belezas naturais de Gargaú
o que Gargaú tem
a eólica de Gargaú, que transformará nossos ventos em energia
e o tema deste carnaval de 2010 que fala do grande sonho de uma criança que pode ser a criança “UNIDOS” e que tem esta letra:
E TENHA FÉ!
TENHA FÉ\\\ VAMOS SONHAR
PORQUE O SONHO É QUE FAZ REALIZAR
GARGAÚ! FELICIDADE, TU ÉS O SONHO QUE TORNOU REALIDADE
E AO DESPERTAR DO MEU SONHO
ME ENCANTEI, COM AS BELEZAS QUE EU VI
UM MUNDO DE PAZ E HARMONIA
ONDE TUDO ERA MAGIA E O POVO MAIS FELIZ\\ EU SONHEI!
DESPERTEI DO MEU SONHO DE CRIANÇA
AUMENTEI MINHA ESPERANÇA\\ E COM O TEMPO EU CRESCI!
FUI DE ENCONTRO AO FUTURO\\ PROCURAR LUGAR SEGURO
BATALHEI, ENTÃO VENCI-ii
FUI DE NCONTRO AO FUTURO\\ PROCURAR LUGAR SEGURO
BATALHEI ENTÃO VENCI!\\\ E A ALEGRIA?
HOJE É MOTIVO DE ALEGRIA\\
GARGAÚ ESTÁ EM FESTA E A UNIDOS VEM MOSTRAR
QUE O SEU SONHO É POSSIVEL, BASTA VOCÊ ACREDITAR\\
VENHA CAIR NESTA FOLIA,
VEM PRÁS RUAS VEM BRINCAR.
VENHA MOSTRAR O SEU SORRISO
AQUI É O PARAISO VEM COMIGO VEM SONHAR\AA
VENHA MOSTRAR O SEU SORRISO
AQUI É O PARAISO, VEM COMIGO VEM SONHAR\\ E TENHA FÉ.
Neste ano, assim como no ano passado, o bloco encontrou muita dificuldade para realizar seu desfile, chegando mesmo a quase desistir por total falta de recursos e apoio.
Penso que é uma pena deixar o carnaval centenário de Gargaú acabar por total falta de investimento. Espero que este blog sirva de alerta a todos no sentido de mantermos esta chama acesa

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

O verdadeiro carnaval de Gargaú



Recebemos e-mail de Scarlet Nahua scarletnahua@hotmail.com contestando o Blog do Paulo Noel.
.

De acordo com a reportagem publicada, na página deste Blog, Segunda Feira, 15 de Fevereiro de 2010. Em que os senhores publicaram uma reportagem sobre o Carnaval de São Francisco de Itabapoana. Gostaríamos de ressaltar que a fonte que forneceu a matéria sobre o assunto, faltou com a verdade e propositadamente omitiu outros assuntos relevantes que só veio a denegrir o carnaval de Gargaú. Abaixo enumeramos alguns tópicos que não foram mencionados na matéria publicada: Abertura do Carnaval no Sábado: Com a participação do Bloco de Boi Pintadinho BOI CANÁRIO, onde concentrou mais de mil pessoas onde aconteceu um show de pagode no palco instalado na rua. Distribuição de Bebidas e churrascos. O BOI CANÁRIO existe há 15 anos e sempre se apresentou um boi que poderia inclusive participar de qualquer competição carnavalesca na cidade de Campos principalmente. Nenhum boi de Gargaú arrastaria 10 mil seguidores, mesmo porque a população local e flutuante chegaria ao máximo há umas 5 a 8 mil pessoas. Nenhum bloco de Gargaú pode-se dar ao luxo de fornecer aos foliões tudo de graça, pois custa muito caro colocar na rua uma agremiação carnavalesca do porte do BOI CANÁRIO. A subvenção oferecida pela prefeitura jamais cobriria os custos do nosso bloco. Todas as agremiações de Gargaú, inclusive o Boi Pernambuco para desfilar nos solicitam os instrumentos da bateria que, em tantos anos de existência nunca possuíram. Nunca fizeram um boi com pano de veludo, sempre usaram pano de saco. O BOI CANÁRIO inclusive foi solicitado pelo prefeito Beto Azevedo a se apresentar na abertura de carnaval da cidade de São Francisco do Itabapoana onde recebemos vários elogios sobre a beleza do boi. O BOI CANÁRIO posteriormente foi solicitado também a desfilar em Presidente Kenedy-ES. Fomos convidados para a Batalha de Confetes em Campos dos Goytacazes e vamos ser homenageados na avenida pelo Boi Zulu no Carnaval de Campos em Abril. Pelo exposto deixamos esclarecido a força e a beleza do BOI CANÁRIO. Para finalizar, esclarecemos aos senhores relatores deste brilhante jornal, que a concentração foi alvo de reportagem no local da concentração pela INTER TV e também em rádios. Gostaríamos também de comunicar que o carnaval de Gargaú não se resume apenas no Boi Pernambuco. Existem outras agremiações belíssimas como: Bloco Unidos de Gargaú, bloco de Boi 51, Bloco de Boi Cachaça e Bloco das Piranhas. Seria de bom aviltre os senhores responsáveis pelo jornal O DIÁRIO mandarem para Gargaú uma equipe de reportagem para fazer in loco todos os eventos carnavalescos. A Prefeitura não deu cobertura aos Blocos. Ficamos aguadando o trio e o mesmo não veio. O que compareceu foi um trio elétrico cedido pelo Deputado João Peixoto que não funcionou, veio quebrado. Impossibilitando o seu uso devido.
Att.:
Charlles Wescley, Wagner Rizzi e Luizão
Diretoria do BOI CANÁRIO

Bloco “Do Cordeiro” atrai multidão em Santa Clara

Atualizado às 23h30m com novas fotos.
O Blog atendendo a pedidos de varios internautas decidiu deletar as fotos publicadas.
Novas imagens do Bloco do Cordeiro enviadas por um internauta que pediu para não ser identificado.


.
Em Santa Clara o bloco “Do Cordeiro” foi o grande destaque da noite desta terça-feira (16) de carnaval. O bloco promoveu, na rua principal da praia, um verdadeiro arrastão para Cristo, com a participação de mais de cinco mil pessoas cantando hinos evangélicos de louvor e adoração.
Foram mais de duas horas de evangelização, percorrendo a rua principal até o Hotel Mineirão, já no início da madrugada. O prefeito Beto Azevedo, vereadores e secretários participaram do evento. Com sete anos de existência, o bloco faz parte do projeto “Circo da Vida” que surgiu para evangelizar as pessoas nesse período de verão. O responsável pelo projeto, pastor Isaías, falou sobre o objetivo do bloco. “Com esse arrastão, nós celebramos o encerramento das atividades do ‘Circo da Vida’ no verão. É um momento que nos unimos, motivados pelo sentimento de alegria e vamos para as ruas orar pela paz e prosperidade da cidade”, explica. Praias lotadas nesta terça de carnaval em SFI. As praias de São Francisco de Itabapoana ficaram lotadas durante a terça-feira de carnaval. Bois, trio elétrico, shows e blocos animaram moradores e turistas. Em Guaxindiba, os destaques do dia foram os blocos “Louro Sujo” e “Aquele Peixe” que sacudiram os foliões mostrando muita animação. O cantor Gil Paixão e banda sacudiu o público até o fim da noite, com seu ritmo baiano. Em Santa Clara os blocos “Jubiraca” e “Boi Loucura” foram o sucesso da noite. No início da madrugada, no palco principal, Dj’s e a banda “Sedução” deram continuidade ao agito. No arrastão da ressaca foi a vez de “Os Piratas”, sobre o “Trio Elétrico Folião”, amanhecerem o dia cantando com a multidão, fazendo muitos ainda, suarem a camisa. O prefeito Beto Azevedo e seu secretariado estavam presentes e conferiram a alegria. O show terminou às 9h, da quarta-feira (17) de cinzas. Para a campista, Marlene Martins, 72 anos, o verão no litoral sanfranciscano é muito bom. “Eu sempre venho passar o carnaval na praia de São Francisco de Itabapoana. É um lugar bom e tranquilo para tomar um banho de mar. O comércio local também é ótimo, pois oferece muitas comidas típicas”.

Desfile da Boneca Creuza em Guaxindiba

Fotos enviadas pela internauta Veronica Rocha Ribeiro
.

Boneca Creuza desfilando em Guaxindiba.
.

Vinicius,

Foi muito legal nosso desfile. Muita gente participou e os turistas adoraram nossa apresentação. Foram tiradas muitas fotos da Boneca Creuza e do Boi “O álcool é nosso”. Realmente animaram a praia de Guaxindiba, pois não tinha outra atração. È importante o apoio do Blog para mobilizarmos a Prefeitura para nos ajudar a prosseguir com essa manifestação carnavalesca que alegra todas as idades. Fico feliz que brincamos harmoniosamente sem brigas e com o sentimento de dever cumprido com nosso próprio esforço. Agradeço a comunidade do Km 13, Travessão, turistas e a população de Guaxindiba pela recepção e alegria em receber o nosso Bloco K13. Agradeço em especial a vocês da Rádio São Francisco e pela amizade. Sucesso e Benção de Deus. Alexssandro Ribeiro Carneiro.
Alexssandro
(22) 2748-1700
9852-4828
9982-1132

Mais de 30 mil pessoas no arrastão em Santa Clara

Na segunda-feira, dia (15), a praia de Santa Clara ferveu num arrastão de mais de 30 mil pessoas que percorreram a rua principal da localidade. Todos dançavam muito ao som dos blocos e da banda “Os Piratas” que cantou sobre o “Trio Elétrico Folião”. A rua principal ficou tomada de foliões estendendo a alegria desde a tarde até a madrugada. Para a sanfranciscana, Juliana de Oliveira, nunca se viu tanta gente acompanhando blocos e trio elétrico de uma só vez. “Eu estou muito feliz em ver a animação de toda essa gente. Fiquei encantada com a quantidade de pessoas presentes nessa folia. Sempre freqüentei a praia, mas nunca tinha presenciado tanta gente junta num arrastão”. De acordo com o secretário de Turismo, Jairo Batista, as parcerias deram o tom de sucesso neste verão. “A programação do verão ‘Viva essa Energia’, tem alcançado bons resultados, porque buscamos organizar as coisas para que tudo saísse bem. O apoio dos blocos, das bandas, da guarda municipal e a presença da polícia militar foram de grande importância para chegarmos a todo esse sucesso”, disse. Mais festa nas praias sanfranciscanas
Na praia de Guaxindiba, a animação ficou por conta da Banda “Ex-Energia” que fez os presentes dançarem e se alegrarem durante o final da tarde desta segunda-feira (15). Em Barra, o bloco “Unidos da Ponte” deu um show nas ruas da localidade trazendo em seu enredo Samba, Magia e Beleza do Carnaval. Com 17 anos de existência, conta com aproximadamente 900 componentes. Nesta terça-feira (16), Em Guaxindiba, a música ficará por conta de Gil Paixão e banda. Já em Santa Clara é a vez da apresentação do bloco “Cordeiro”, conhecido por fazer a animação dos evangélicos. A concentração será no circo da vida. Shows com a banda “Tudublu” e “Sedução” serão a atração do final da noite na praia. Na madrugada haverá o arrastão da ressaca com banda “Os Piratas e todos os blocos” com encerramento na manhã de quarta-feira de cinzas. (Ascom - SFI)

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Carnaval sanjoanense: O Rio de Janeiro retratado na avenida pela Unidos da Chatuba


Chatuba pede passagem.

Bateria Nota 10 e a Rainha da Bateria.

Destaques de luxo e beleza.

Companheiro Blogueiro André Pinto e o casal porta-estandarte.
.
A historia da cidade do Rio de Janeiro desde sua colonização pelos portugueses até a apoteose do carnaval foi contada na passarela do samba de São João da Barra durante o desfile da Escola de Samba Unidos da Chutuba. Atração da noite de segunda-feira, destacou, também, a irreverência do povo carioca, sua paixão pelo futebol e a boemia da cidade. Carioca da gema e morando em São João da Barra desde 2003, o presidente e integrante da comissão de carnaval, Ricardo Lopes, explica que o enredo veio da vontade de homenagear sua cidade natal. “Daí surgiu o tema e com a Chatuba apresentando o enredo Berço de histórias, paraíso tropical. Este é o Rio de muitos janeiros. Foram três carros alegóricos e seis alas onde a comissão de carnaval, composta ainda por Geraldo Lopes, Wagner Diniz e Luiz Fabiano, pretende, entre outras coisas, fazer uma viagem ao passado ao relembrar a boemia da lapa antiga e exaltar o carnaval de rua, representados por blocos como o Cacique de Ramos e Cordão do Bola Preta. — O desfile teve início com a chegada dos portugueses à cidade pela Baia de Guanabara e terminou com esse grande espetáculo que é o carnaval de hoje na Marquês de Sapucaí. Fatos marcantes da cidade, como os antigos bailes realizados pela corte portuguesa também foram lembrados. Á frente dos 70 ritmistas da Unidos a madrinha da bateria Tais Malhardes deu um show a parte . A rainha da escola é Carlatriz Lopes. Monique Abreu e Tarciso Malhardes formam o casal de mestre sala e porta bandeira. A rainha mirim, Carolina Lopes, é outra atração da escola que leva o nome do bairro em que foi fundada há 22 anos, exatamente no dia cinco de fevereiro de 1988.

A tradição do Indianos na segunda-feira de folia







.
Ao passar pela avenida do samba na noite de segunda-feira, o Bloco Indianos, com mais de setenta anos de carnaval, novamente cumpriu o seu objetivo, que foi levar alegria ao público e contribuir de forma substancial para embelezar ainda mais o tão famoso carnaval da cidade. Nas cores azul e branca, predominante em fantasias, adereços e alegorias, a homenagem à rainha do mar com tema Iemanjá a Deusa das Águas. Representando a homenageada, a jovem Carlatriz Lopes foi o destaque no carro abre alas. Em formato de jangada, ele trazia a logomarca do bloco e fazia alusão a uma festa indígena em homenagem a Iemanjá. O segundo carro, com as jovens Roberta, Brenda e Sâmia como destaques, era uma referência às maravilhas e lendas do mar.
Em uma das alas, denominada “O imenso mar Azul”, integrantes com camisas azuis com detalhes brancos. Em outra, dezenas de foliões trajavam indumentárias indígenas e repetiam a já conhecida coreografia, marca registrada de tantos outros carnavais. Completando o desfile do Indianos, ocas, jaulas e um caldeirão em plena avenida. Com aplausos, o público saudava uma das mais simpáticas e queridas agremiações da cidade e que resiste ao tempo por puro amor ao carnaval. “É uma tradição de família que eu hoje faço questão de manter viva. É um momento especial que posso compartilhar com conterrâneos e com pessoas de outras cidades que vêm desfilar no Indianos”, destacou o presidente Quinzinho Moreira. (Secom - SJB - Marício Barreto)

Veículo de folião quase derruba poste na BR- 356 no caminho de Atafona

Motorista escapa da morte por milagre na BR-356 – Estrada SJB a Atafona


.
O poste ficou pendurado na rede de alta tensão, após um acidente na madrugada desta terça-feira de carnaval, 16-02. Uma equipe da Ampla quando chegou ao local, por volta das 10 horas, o veículo, segundo populares um Gol, havia sido retirado do local. Segundo informações o motorista estava vindo do carnaval em São João da Barra e escapou da morte por milagre. Uma equipe da Ampla já compareceu ao local e colocou o poste na posição normal, amparado por estacas até que seja providenciado a substituição.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Boi Pernambuco atração em Gargaú


.
O Carnaval da localidade de Gargaú, no município de São Francisco de Itabapoana é marcado pela tradição dos bois. No domingo (14), o Boi Pernambuco arrastou mais de dez mil seguidores até a praça dos quiosques. Antes do desfile pelas ruas, os foliões participaram de um churrasco comunitário regado a cerveja e “Catiropau”, uma bebida tradicional que tem como ingredientes: canela, Fanta laranja, cachaça e limão. Na ocasião, foram distribuídas camisas com o nome do bloco. O bloco foi fundado por Filinho Romão há mais de 70 anos atrás. Naquela época o boi era acompanhado de viola, pandeiro e repentistas, que declamavam seus versos durante o percurso. Atualmente segundo o ex-presidente do boi, Salvador Sérgio Pereira Manhães, o Badô, muita coisa mudou. “Para não deixarmos morrer a tradição os mais antigos ainda recitam versos, só que agora antes do bloco sair. Agora tem trio elétrico para acompanhar o boi. Gravamos até CD com samba enredo”, salienta Badô. Na opinião do atual presidente do Boi, Amaro Vancredo, apesar de algumas mudanças a essência do Boi Pernambuco foi mantida. “Nosso boi é o mais popular e antigo de Gargaú. É o único gratuito. Aqui nossos foliões comem, bebem e ganham camisas, nos outros tudo é pago”, afirmou Vancredo. (Ascom - SFI)

Campanha da Fraternidade quer estimular debate sobre modelo econômico que só objetiva o lucro

Brasília - Com o propósito de “denunciar a perversidade de todo o modelo econômico que vise em primeiro lugar ao lucro” e estimular a sociedade a praticar “ações sociais e políticas” que levem a uma economia solidária, a Campanha da Fraternidade deste ano será lançada nesta quarta-feira (17). Com o tema Economia e Vida - escolhido há dois anos - e sob o lema "Vocês Não Podem Servir a Deus a ao Dinheiro”, a campanha será realizada por cinco igrejas que integram o Conselho Nacional das Igrejas Cristãs no Brasil (Conic) - Católica, Presbiteriana Unida do Brasil, Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, Episcopal Anglicana do Brasil e Sirian Ortodoxa de Antioquia. Em sua 46º edição, a iniciativa visa a orientar os fiéis a refletirem a preponderância dos valores éticos, morais e espirituais sobre o dinheiro, indicando que a economia deve servir à vida. “O Conic não quer limitar-se a criticar sistemas econômicos. Principalmente, espera que a campanha mobilize igrejas e a sociedade a dar respostas concretas às necessidades básicas das pessoas e à salvaguarda da natureza, a partir de mudanças pessoais, comunitárias e sociais, fundamentas em alternativas viáveis derivadas da visão de um mundo justo e solidário”, diz o texto da campanha. A Campanha da Fraternidade será lançada oficialmente em Brasília (DF), com a realização de uma celebração ecumênica no Santuário Dom Bosco, às 19h30 de Quarta-Feira de Cinzas. Enviado por Aécio Rodrigues..., seg, 15/02/2010 - 19:38 - Alex Rodrigues - Repórter da Agência Brasil

Imagens do Pontal e da Foz do Rio Paraíba em Atafona hoje a tarde

O Pontal hoje à tarde por volta das 14 horas, 15-02, segunda de carnaval.
.

O encontro do Rio Paraíba com o Oceano Atlântico em Atafona. Às margens do Paraíba no
Pontal, banhistas se refrescam do calor escaldante.

.
Enquanto a folia rolava no centro da cidade em São João da Barra muitos banhistas e
turistas optaram por um dos recantos mais visitados da praia de Atafona, o famoso Pontal.

Gari de Bom Jardim (SFI) assassinado em Santa Clara e carioca morre afogado na Lagoa de Gargaú

Um outro afogamento ocorreu em Sossego e mulher continua desaparecida .

.

Segunda-feira de carnaval, 15-02 com duas mortes e um corpo de mulher desaparecido nas águas do mar entre Santa Clara e Sossego.
.

Atualizado às 19:05m (Foto: Album da família )
Gari assassinado morava em Bom Jardim
O Blog foi informado, agora, que Denis Antônio Pereira Rodolfo, 21, foi assassinado enquanto dormia descansando o almoço numa sombra perto do caminhão da firma Thalis onde estava trabalhando como gari. O crime ocorreu por volta das 12 horas, desta segunda-feira de carnaval, 15-02, numa Rua próxima a Caixa D'Água da Cedae em Santa Clara em São Francisco de Itabapoana-RJ. Segundo a PM, um rapaz chegou e perguntou aos dois colegas que estavam sentados perto dele. "Esse aí é o Denis?" Com a confirmação, o rapaz chegou próximo e apontou um revolver para a cabeça do Denis e disparou o primeiro tiro na nuca e mais dois no peito. Após o crime fugiu na garupa de uma Moto onde outro elemento o aguardava. Denis era morador de Bom Jardim casado com Gerlani Oliveira Gomes e tinha um filho de seis meses. Era filho de Sonia Cristina Pereira Gonçalves e Dionizio Antonio. O corpo ainda está no IML - de Campos. O corpo será velado na Igreja Batista de Bom Jardim, bairro de SFI, e o sepultamento na terça de carnaval em horário a ser confirmado pela família no Cemitério de São Francisco.
.

Afogamento em Gargaú.


Em Gargaú, a morte foi por afogamento e a vítima foi o carioca Marcos Vieira de Souza, de 41 anos, que se jogou na Lagoa e foi para numa parte mais funda onde não teve chances de se salvar. No litoral de Sossego familiares continuam a busca do corpo de uma mulher, ainda não identificada que desapareceu nas águas do mar após um mergulho.

Congos: o fogo da paixão pulsou forte o coração na Avenida no domingo de carnaval em São João da Barra

A importância do coração como máquina do corpo humano mereceu destaque na passarela do samba.

Alegorias o forte do Congos



Luxo e beleza na passarela.

Diretoria posa após o desfile em frente ao Cais do Imperador em SJB.
.
Com o coração na avenida. O termo, muito utilizado para deixar ainda mais explicita a dedicação dos componentes por sua escola de samba durante um desfile, foi seguido à risca pela escola sanjoanense Congos. Com o enredo No fogo da paixão pulsa forte o coração! É máquina, é vida... É Congos na Avenida, a agremiação exaltou, durante o desfile do domingo de carnaval, o órgão do corpo humano que é relacionado, principalmente, ao amor. Em cinco carros alegóricos, a comissão de carnaval, composta por Geraldo Lopes, Fernando Antônio Lobato e Thiago Araújo, apresentou um desfile mostrando o coração desde a questão mitológica até sua inevitável relação sentimental, contextualizada no amor de uma forma geral e, em particular, na paixão de parte da população de São João da Barra pela escola. A importância do coração como máquina do corpo humano mereceu destaque nas alegorias. — O grande diferencial foram os carros alegóricos. Estamos valorizando mais a estrutura do carro e priorizando menos as esculturas. É uma coisa trabalhosa, pois é bem mais fácil trazer mais esculturas. Mas é uma inovação dentro do carnaval sanjoanense e que enriquecerá ainda mais o nosso desfile — afirma Geraldo Lopes. Inspirado na escola de samba paulistana Mocidade Alegre, que destacou o coração no carnaval de 2009, o enredo foi idealizado ainda no primeiro semestre do ano passado. Com 78 anos de existência, o Grêmio Recreativo Escola de Samba Congos levou para a avenida cerca de 600 componentes. A bateria, comandada pelo mestre José Luiz, com 100 ritmistas e tendo a frente a madrinha Carina Meirelles. Outra novidade foi em relação ao mestre sala e porta-bandeira. Esse ano a escola optou por colocar apenas um casal na avenida, Elder Amaral e Marlúcia Amaral. (Texto com informações da Secom – SJB e do Blog do PN)

O cinema na passarela no desfile do Chinês emociona o público no primeiro dia de desfile no carnaval sanjoanense

Destaques para obras como “E.T” e “Robocop.
.


E. T. chamou atenção dos turistas.

Ana Carolina deu um show interpretando Marilyn Monroe.

Os atores entram em cena.
.
Com o Enredo Luz, Câmera, emoção: cinema, a sétima arte, a Escola de Samba Chinês foi a segunda agremiação a entrar na Avenida do carnaval em São João da Barra na noite de domingo, 15-02. O Chinês com o tema com o tema escolhido se superar e ofereceu ao público um espetáculo ainda mais belo que nos anos anteriores. “É um enredo inovador, porém bastante abrangente. Ele traz uma emoção que é a cara da escola. Nossa idéia é mexer com o público e torná-lo atuante, como se fosse o grande figurante da cena — explica Gil Wagner Miranda, há seis anos carnavalesco do Chinês e que acumula também a função de mestre sala. No carro abre alas, intitulado “Os primórdios do cinema” uma viagem ao tempo das imagens em preto e branco. O cinema nacional ganhou enfoque na segunda alegoria retratando personalidades como Carmem Miranda, relembrando as chanchadas e revivendo clássicos como “O pagador de promessas” e o “Cangaceiro”, com o qual o carnavalesco fez uma alusão à região Nordeste tão presente, segundo ele, no cinema do Brasil. Com os musicais, o terceiro carro alegórico homenageou o cinema infantil. O destaque foi para o épico “O mágico de Oz”. O futurismo também esteve presente em obras como “E.T” e “Robocop”. “É também uma forma de referência ao cinema moderno, que deu nome ao quarto carro”, destaca Gil. Os grandes filmes premiados e todo o glamour que envolve a festa do oscar também foram lembrados no quinto carro alegórico. Quatrocentos componentes na avenida, incluindo os 80 integrantes da bateria, comandada pelos mestres Raphael Pereira, Daniel dos Santos e João Pedro. À frente dos ritmistas, veio a madrinha Ingrid Novas. Outro ponto alto no carnaval de 2010 do Clube Cultural Social Carnavalesco o Chinês, fundado em 1933, foi o samba enredo. “Nosso samba funcionou praticamente como outra alegoria, já que ele cita nome de filmes que não estão representados nas cinco carros alegóricos”, finalizou. Maurício Barreto. Texto do Blog com informações da Secom – SJB.