Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 19 de novembro de 2011

Motorista atropela, mata e foge em SFI

Foto: Vinícius Berto

O pedreiro Morales da Silva Fácil (foto) não resistiu e morreu no local do acidente

O fim de semana começou violento no trânsito de São Francisco de Itabapoana. No início da madrugada deste sábado (19), por volta de 00h15, o pedreiro Morales da Silva Fácil, 32 anos, (foto) foi atropelado e morreu na RJ-196, na saída de São Francisco em direção à Praia de Santa Clara. O motorista atropelador fugiu, e no local ninguém testemunhou o acidente. Minutos antes de ser atropelado, Morales foi visto caminhando próximo ao DPO de Santa Clara em direção a São Francisco. Moradores próximos ao local do atropelamento estavam dentro de casa, quando ouviram um barulho forte. Ao saírem não viram carro algum, apenas o pedreiro no chão. Em seguida, acionaram o Resgate da Secretaria de Saúde, que ao chegar constatou o óbito.

Morales morava com os pais no Bairro do Macuco, próximo ao Centro. Era o filho mais novo de Seu Francisco Roque e Dona Dezilda da Silva. No local, abalados, os pais choraram e lamentaram a morte do filho. “Meu caçulo era uma pessoa muito boa. Não fazia mal a ninguém. Meu Deus, por quê?”, dizia emocionado o pai. Morales era cunhado de Rubinho do Sofá, também do Macuco. A esposa de Rubinho e irmã da vítima, Roselma, também esteve no local. “Não dá pra acreditar que isso aconteceu”, lamentou.

Pelas marcas deixadas no acostamento e no asfalto, além da posição em que o corpo foi encontrado, é possível concluir que o atropelador vinha no sentido Santa Clara, invadiu a contramão de direção e atropelou a vítima.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Embarcação na costa de SFI não tem relação com vazamento de petróleo


Mapa: CIPEG (Clique na imagem para ampliá-la)



A proximidade do Campo do Frade com a costa do Norte Fluminense fez circularem em São Francisco de Itabapoana rumores de que a mancha de óleo estaria se aproximando do litoral sanfranciscano. Os rumores ganharam força após a aparição esta semana de uma embarcação de médio porte navegando próximo à costa, entre as praias de Guaxindiba e Lagoa Doce.

O Blog apurou que a presença da embarcação não tem relação com o vazamento de petróleo na Bacia de Campos. Trata-se de um barco de sondagem, que desenvolve um trabalho de batimetria, medição da profundidade dos oceanos.

Segundo fontes do Blog, esse levantamento faz parte de estudos para a viabilização de um novo porto, de menor porte, que pode ser instalado em São Francisco de Itabapoana. Esse terminal teria como principal finalidade o fornecimento de água potável para os navios que irão circular pela região. O empreendimento atenderia a demanda futura dos portos em construção, além de poder ser utilizado pela indústria do petróleo e gás.

Todavia, a preocupação é pertinente, afinal, como mostra o mapa, o Campo do Frade está na direção do vizinho município de São João da Barra. É bom lembrar que, caso o óleo chegasse a costa, a devastação seria muito maior em São Francisco de Itabapoana, já que temos um litoral com 60 km de extensão. E aí, quando estados e municípios produtores afinam o discurso ao defenderem a necessidade dos royalties em função dos riscos desses desastres, lembramos de São Francisco de Itabapoana. Infelizmente ainda não gozamos dos royalties, devido às projeções das linhas imaginárias. Até quando?

Aliás, por falar em royalties, a ANP não se pronunciou sobre a possibilidade de haver impacto na distribuição de royalties com a desativação do poço que apresentou fissura. Já se sabe que o poço está sendo fechado e será abandonado. O mapa mostra o Campo do Frade na área delimitada pelas linhas imaginárias de São João da Barra, ou seja, se houver algum impacto é São João da Barra que perderia royalties oriundos deste poço da Chevron.


Imagem do dia 11 de novembro mostra vazamento de petróleo em fissura (Foto: Divulgação/ANP)

Leia mais
Imagens mostram 'redução substancial do vazamento', diz ANP
Royalties do petróleo: perdemos no Senado algo que nunca tivemos

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Começa a derrubada dos quiosques em São Francisco

Demolição começou pela Praia de Santa Clara.



Atendendo a uma determinação judicial, a Prefeitura de São Francisco de Itabapoana iniciou, na manhã desta quinta-feira (17/11), na Praia de Santa Clara, a derrubada dos primeiros quiosques construídos irregularmente e sem licença ambiental na orla do município. No total são 113 quiosques.

Paralelamente à derrubada, a prefeitura está recorrendo da decisão questionando o valor de R$ 100.000 que o município terá que pagar a título de condenação pecuniária. De acordo com a Procuradoria Geral do Município, a prefeitura também entrou com embargos de declaração questionando o fato de que a condenação ignora decisão anterior na qual os quiosques da Praia de Lagoa Doce haviam sido excluídos do objeto da ação por não fazerem parte do Projeto Orla 2000. A decisão anterior, nos autos, prevê inclusive a religação da energia elétrica no caso desses quiosques especificamente.
O Procurador Geral do Município, Enaldo Vieira Barreto, esclareceu que as duas medidas judicias adotadas pelo município nada tem a ver com a determinação judicial para derrubada dos quiosques. “Estamos defendendo o município em duas ações específicas e que cabem questionamentos, mas isso nada tem a ver com a derrubada dos quiosques. Essa decisão tem que ser cumprida e já estamos fazendo isso”, esclareceu o Procurador.

Segundo determinação do prefeito Beto Azevedo, o trabalhodeve ser feito de forma gradativa, dando oportunidade aos quiosqueiros de retirarem com antecedência parte do material de obras que pode ser reaproveitado, tais como telhas, janelas, portas, vasos sanitários e etc.

A decisão judicial
Na última sexta-feira (11/11), a prefeitura de São Francisco de Itabapoana entrou com embargos de declaração no processo do Ministério Público Federal que condenou o município a demolir os quiosques construídos no período de 1998 a 2000. Segundo a decisão, os quiosques do Projeto Orla 2000 foram construídos de forma irregular e sem licença ambiental. (Matéria enviada pela Ascom - SFI - com fotos de Magno )

Campanha do Desarmamento atinge marca de 30 mil armas recolhidas

Da Ascom do Ministério da Justiça

A população brasileira já entregou voluntariamente 30.867 armas na Campanha Nacional do Desarmamento 2011 – Tire uma arma do futuro do Brasil. Em seis meses, o número de armas recolhidas se aproxima do total entregue na campanha de 2008/2009, que foi de 31,8 mil armas de fogo. Houve também entregas de 125 mil unidades de munições.

Com 8,3 mil armas, São Paulo é o estado com maior volume de entregas. Considerando-se, porém, a relação entre população e armas devolvidas (veja tabela), é o Rio Grande do Sul que assume a melhor posição na campanha. São 34 armas entregues por cada grupo de 100 mil habitantes do estado, totalizando 3,6 mil armamentos. Pernambuco (22,2 armas por 100 mil habitantes), Rio de Janeiro (21 armas por 100 mil), Acre (19,9 armas por 100 mil) e São Paulo (19,7 armas por 100 mil) completam a lista dos cinco estados com maior número de devoluções.

Metade das armas entregues na campanha são revólveres (15,4 mil), especialmente os de calibre 38. Armas de grande porte, como fuzis (77), rifles (419), espingardas (4.049), entre outros, representam 20% do total. Para o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, a presença significativa de armamento pesado na campanha foi facilitada pelo anonimato, uma das novidades apresentadas na edição 2011. “Sem precisar se identificar, o cidadão pode entregar armas de alto poder de destruição, e

O valor pago em indenizações até o momento é de R$ 2,8 milhões. Acordos de cooperação com 21 estados da federação permitiram o cadastro de 1.856 postos de recolhimento espalhados pelo país. Estão previstas para as próximas semanas, assinaturas com os estados do Amapá, Amazonas e Tocantins.

LLX construirá novo Fórum de São João da Barra

Leio no Blog do Roberto Moraes que " O Conselho de Administração da LLX em sua última reunião ordinária deliberou pela ratificação do Termo de Cooperação Técnica firmado entre a LLX Açu Operações Portuárias S.A. e o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) com o objetivo de contratar os serviços necessários para a execução de obras de construção do prédio principal do novo Fórum da Comarca de São João da Barra. Além disso, também foi ratificado o Termo de compromisso de doação de 2 ônibus equipados para o Projeto Justiça Itinerante do TJERJ".

Acho muito pouco. São as chamadas compensações pelos impactos ambientais em SJB que deveriam se estender também a outros municípios. No caso de São Francisco de Itabapoana com a construção da ponte ligando os dois municípios o acesso do sanfranciscano ao Porto do Açú será mais rápido de quem mora no centro de SJB. Sem falar no impacto que o município receberá . Isso se a ponte for construída já que os que os internautas que acessam o Blog do Paulo Noel estão céticos com relação as promessas do Governador Cabral. Veja enquete.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

O novo visual de Lula

O Instituto Lula informou na tarde desta quarta (16) que a ex-primeira-dama Marisa Letícia raspou a barba e cortou o cabelo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que faz tratamento contra um câncer na laringe.

Com a decisão de raspar barba e cabelo, Lula se antecipou aos efeitos da quimioterapia, que provoca a queda de pelos. O ex-presidente cultivava a barba, que se tornou uma marca pessoal, desde quando era sindicalista, nos anos 1970.


A mulher de Lula, Marisa Letícia, faz a barba do marido
Fotos: Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Com informações do G1

Prefeitura de São Francisco recorre de decisão judicial de fechamento dos quiosques

Foto: Blog Paulo Noel.
A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana entrou nesta sexta-feira (11/11), com embargos de declaração no processo do Ministério Público Federal que condenou o município a demolir os quiosques construídos no período de 1998 a 2000. Segundo a decisão, os quiosques do Projeto Orla 2000, desenvolvido durante o governo do então prefeito José Antônio Barbosa Lemos, foram construídos de forma irregular e sem licença ambiental.
De acordo com a Procuradoria Geral do Município, os embargos de declaração questionam o fato de que a condenação ignora a decisão anterior na qual os quiosques da Praia de Lagoa Doce haviam sido excluídos do objeto da ação por não fazerem parte do Projeto Orla 2000. A prefeitura também vai recorrer da decisão, questionando o valor de R$ 100.000 a título de condenação pecuniária.

Segundo Beto quiosques foram construídos de forma irresponsável

O prefeito Beto Azevedo também se posicionou diante da polêmica dos quiosques que já se arrasta há vários anos. Segundo Beto, o que aconteceu na época da construção dos quiosques foi um verdadeiro absurdo e uma irresponsabilidade. “Hoje, nós estamos tendo que pagar por um erro cometido por um governo que agiu de forma irresponsável. O prefeito da época, Barbosa Lemos, fez as pessoas acreditarem que o projeto estava legalizado quando na verdade não havia licença ambiental. Além disso, o projeto previa a construção de um número de quiosques bem menor, mas para fazer politicagem ele autorizou a construção de mais de 100 unidades, transformando nossa orla numa verdadeira favela. A verdade tem que ser dita”, disse Beto em tom de desabafo.
O presidente da Associação de Moradores da Praia de Santa Clara, Jorge Lúcio Ponto de Prosa, em comentário a um blog local, também declara que houve “apadrinhamento” e por isso o projeto foi alterado. “Houve muito ‘apadrinhamento’, com isso o projeto foi alterado. Lugar, onde era para ser construído só um quiosque, chegava um mais chegado de alguém e este alguém dava um jeitinho...”, disse Jorge Lúcio.

O prefeito Beto Azevedo disse que tem a intenção de desenvolver um novo projeto para construção de novos quiosques atendendo a todas as exigências ambientais, mas até agora nada pôde ser feito por causa dessa pendência judicial. “Vou repetir: estamos pagando por uma irresponsabilidade do passado. Nem um projeto novo a gente pode fazer, só mesmo depois de esgotarmos todas as pendências judiciais é que alguma coisa poderá ser feita”, finalizou Beto. (Matéria enviada pela Ascom SFI )

Motociclista é levado para o HFM após mais um acidente envolvendo capivara

Em acidente registrado na noite desta terça-feira (15), o motociclista Amaro Carvalho Leandro, 21 anos, atropelou uma capivara na RJ-224, próximo à chegada de São Francisco de Itabapoana, na altura da propriedade rural de Chiquinho Santana. O jovem mora na localidade de Santa Rita, próximo ao local do acidente. Ele foi socorrido com fratura na perna, e levado direto para o Hospital Ferreira Machado (HFM).

Têm sido comuns acidentes envolvendo capivaras em São Francisco de Itabapoana. O blog apela ao DER – Departamento de Estradas e Rodagens – para a instalação de placas sinalizadoras de animais silvestres próximo a brejos que margeiam as estradas do município. Nos últimos anos vem aumentando nesses locais o número de capivaras. O blog tem noticiado os acidentes, como o ocorrido em janeiro de 2010.

Empresário passa mal e morre na casa de veraneio em Santa Clara


Foto: Álbum de família.

Faleceu na madrugada desta quarta-feira (16), em sua casa de veraneio na Praia de Santa Clara, o empresário Ricardo Quitete, 62 anos, (foto) dono da São Francisco Telecomunicações. Ricardo foi vítima de mal súbito. Ele começou a passar mal no início da noite desta terça (15). Familiares acionaram o resgate da Secretaria de Saúde de SFI, que levou o empresário para o Hospital Manoel Carola. Às 05h10 Ricardo deu entrada no hospital já sem vida. O corpo foi levado pelo rabecão da Defesa Civil Estadual para o IML de Campos, onde permanece para que a causa da morte seja apontada. Tudo indica que Ricardo foi vítima de infarto.

O empresário estava feliz com o casamento do filho André Ricardo, ocorrido no sábado (12). André está com a esposa em lua de mel nos Estados Unidos. Ele já foi comunicado da morte do pai, e agiliza retorno para o Brasil.

Todas as lojas do grupo, uma em São Francisco, uma no Farol de São Thomé e três em Campos, amanheceram fechadas hoje. O Blog conversou com Afrânio de Moraes, funcionário da loja de SFI, que confirmou o sepultamento para está quinta-feira (17) no Cemitério Campos da Paz. “O horário vai depender da chegada do André dos Estados Unidos”, disse Afrânio.

Ricardo Quitete era irmão do também empresário Rogério Quitete, proprietário da Clínica e Laboratório Argeu Oliveira. Ricardo deixa a esposa Tânia e os filhos Ana Karina, Carlos Alexandre e André Ricardo.

Atualização: O corpo de Ricardo foi sepultado na manhã desta quinta-feira (17), no Cemitério Campo da Paz, em Campos dos Goytacazes.

Inscrições para seminário sobre Improbidade administrativa encerram hoje (16)

Encerram nesta quarta-feira (16) as inscrições para o Seminário “Responsabilidade Administrativa, Civil e Penal dos Agentes Públicos”, que acontecerá na próxima sexta-feira (18), na Câmara Municipal de São João da Barra. A capacitação terá início às 9h e término previsto para as 18h. O seminário é uma iniciativa da Alerj, através da Escola do Legislativo do Estado do Rio (Elerj) em parceria com Câmaras Municipais.

O evento é aberto para toda a Região. Podem participar vereadores e servidores tanto do legislativo quanto do executivo. Para se inscrever basta enviar os seguintes dados: nome, local em que trabalha, lotação/setor, matrícula, função, telefones, endereço, filiação, RG, CPF, data de nascimento, naturalidade, nível de escolaridade e como soube do evento para o e-mail da ELERJ (Escola do Legislativo do Rio de Janeiro) escola.camara@alerj.rj.gov.br. Serão oferecidas 60 vagas com emissão de certificado. Em caso de dúvidas os interessados poderão entrar em contato com a Câmara de São João da Barra pelo telefone (22) 2741-1301.

O seminário já passou pelas câmaras de Niterói, Duque de Caxias e Angra dos Reis. “Este seminário é um ponto muito importante dentro do que desenvolve a Elerj. Temos que levar esse conhecimento aos vereadores e servidores. Mais uma vez, estamos colocando em pauta um tema fundamental”, contou o coordenador da Escola, deputado Gilberto Palmares (PT).

O evento será ministrado pelo professor Reginaldo Linhares que é formado em Engenharia, Direito e mestre em Organização e Acesso ao Judiciário pela UBM. Ele ministra aulas nas áreas de Processo Civil, Processo Penal, Direito Penal e Direito Civil, Direito Administrativo e Constitucional.

Benedito Sena desportista de SJB morre na Beneficência Portuguesa

Velório acontece na sede da Portuguesa e o sepultamento será às 18 horas no cemitério de São João da Barra.
Foto: Divulgação Secom.


Benedito Sena, 77 anos, de família tradicional de São João da Barra, veio a falecer na madrugada desta quarta-feira, 16-11, no Hospital Beneficência Portuguesa, onde estava internado na UTI. Benedito Sena era um grande incentivador do esporte e durante vários anos atuou como comentarista esportivo no jornal Tribuna Sanjonanese.



Em junho deste ano Benedito Sena foi homenageado com a mais alta comenda do município, quando em sessão solene no Palácio Cultural Carlos Martins recebeu das mãos da prefeita Carla Machado a Medalha do Mérito Barão de São João da Barra.

Benedito Sena fez jus à homenagem, já que durante os seus 77 anos de idade prestou um relevante trabalho futebolístico estimulando e incentivando a prática esportiva no município. O título é a maior honraria dada pelo Executivo Municipal.

Nascisdo em 8 de agosto de 1934, Benedito Sena iniciou sua carreira no fluminense, como jogador de futebol, interrompida por uma lesão muscular em 1956, quando recebeu o convite para assumir o cargo de treinador e técnico do Fluminense e posteriormente da Portuguesa, onde assumiu vários cargos na diretoria chegando a presidência.

Foi árbitro de futebol em vários campeonatos sanjoanenses, e seu trabalho como secretário da Liga Sanjoanense de Desportos o levou a função de presidente onde atuou por seis anos (1976 a 1982), recebendo o título de “Benemérito” pelo excelente serviço prestado. No ano de 2000 realizou um desejo antigo de homenagear os 15 melhores craques do futebol sanjoanense de todos os tempos com uma festa para entrega de troféus. Por motivos de saúde, não estava atuando diretamente no futebol sanjoanense, mas esperava ainda ver o São João da Barra Futebol Clube na primeira divisão.

Na ocasião da honraria, Benedito Sena disse que estava feliz e muito satisfeito por receber essa homenagem na cidade que nasceu e aprendeu a amar. “Agradeço a prefeita Carla Machado por ter lembrado do meu nome, afinal agradeço a Deus está vivo para receber essa homenagem que me enche de orgulho”, comentou Benedito Sena no momento que recebia da prefeita a Medalha do Mérito Barão de São João da Barra.

Benedito Sena deixa oito irmãos e seis filhos Silvio, Sidinei, Sérgio, Sued, Sandra e Solange além de netos e bisnetos. Era filho de Ubaldo Sena e Dona Nenzinha (ambos já falecidos).

Ibama avalia as ações de combate ao vazamento de petróleo na Bacia de Campos

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis -Ibama - está acompanhando de perto as medidas adotadas como resposta a um vazamento de óleo identificado no dia (09/11/2011) na bacia de Campos, no Campo de Frade, operado pela Chevron Brasil. As ações incluem, até o momento, dispersão mecânica, contenção e recolhimento do óleo presente na superfície.

O Plano de emergência da empresa, exigido pelo Ibama como condicionante de licença, foi devidamente acionado. Além de acompanhar a implementação das ações, analistas ambientais do Ibama estão avaliando a extensão e gravidade do incidente.

Projeto "O Grande Aprendiz" lança bolsas com 100% de descontos


Recebemos link de O Grande Aprendiz com solicitação de divulgação no Blog do Paulo Noel de matéria relacionada ao lançamento de bolsas de estudo para cursos diversos grátis. Confira na matéria.


Na foto, grupo de alunos que já está trabalhando em plataformas de petróleo na Bacia de Campos.


As inscrições estão abertas para os cursos de excelência no atendimento e segurança alimentar.

Este curso será ministrado pelo professor Aroldo que é docente do Senac Campos no seguimento de hospitalidade e detém todas as condições pedagógica nesta área .

Também haverá bolsas para os cursos técnicos com valor bem reduzido. Para se inscrever nesta bolsa de cursos técnicos o candidato tem que ser de origem humilde e estar cursando 3º ano de ensino médio nas escolas públicas de São Francisco de Itabapoana.

Bolsas para os cursos de montador de andaimes com valores reduzidos.
Contato: (22)27892048 ou 98207868 - Falar com Dayse Ou Rhafaela
(Da redação com informações de O Grande Aprendiz. )

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Vem aí a 2ª Cavalgada de Praça Imaculada dia 27 de novembro




A Cavalgada de Praça Imaculada em São Francisco de Itabapoana está com intensa programação. Sairá às 9 horas do Portal da cidade com destino a localidade de Praça Imaculada no dia 27 de novembro e terá a participação da Associação dos Cavaleiros e Amazonas de SFI. Na chegada haverá almoço e leilão em benefício da Igreja de Nossa Senhora da Conceição. A organização está a cargo de Salvador, Edecy, Nagibe e Marciano. Clique na imagem e confira a programação.

Audiência pública no Legislativo de SFI para debater orçamento 2012

A Câmara Municipal de São Francisco de Itabapoana promove nesta quinta-feira, 17-11, a 1º audiência pública para tratar da Lei orçamentária para o exercício de 2012. A audiência está marcada para as 14 horas e, será aberta ao público. Entretanto, a secretaria da Câmara receberá inscrições das entidades interessadas em debater o orçamento, até esta quarta-feira, 16-11.

No edital de convocação para a reunião, o presidente do Legislativo, vereador Florentino Cerqueira Azevedo (Tininho) ressalta a exigência da Lei de responsabilidade fiscal para realização da audiência pública.

Diz o parágrafo único do Art 48 da Lei de responsabilidade fiscal que a transparência se consolidará com a realização de audiências públicas, através de discussão dos planos com debates populares do orçamento municipal.

Demolição dos quiosques

Proprietários começam a retirar material de construção dos quiosques de Santa Clara.



A demolição parcial de dezenas de quiosques ao longo do litoral de Santa Clara, pelos proprietários, chama atenção dos turistas. Após a imprensa ter divulgado decisão da Justiça Federal de que todos os quiosques da orla marítima de São Francisco de Itabapoana vão ser demolidos, acabou acelerando, por parte dos proprietários, a retira do material que pode ser aproveitável. Muitos quiosques já foram até demolidos, sobrando muito entulho e varas de ferro nas areias na praia junto com colunas de concreto, uma armadilha para banhistas e turistas, e, principalmente as crianças.

Caminhando neste feriado, 15-11, pelo calçadão pude observar que boa parte dos quiosques estão semi-destruidos. Um comerciante dono de uma pousada na beira mar disse que os quiosques animavam o litoral. “Lamento que a decisão tenha sido esta”, disse. A justiça alega que os quiosques do projeto orla dois mil, foram erguidos sem autorização dos órgãos ambientais: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e Instituto Estadual do Ambiente (Inea ).

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Bandeira do Brasil no alto da Rocinha marca controle de forças policiais

Foto: O Globo


As bandeiras do Brasil e do Rio de Janeiro foram hasteadas no alto da favela da Rocinha para marcar o controle territorial da comunidade pelas forças policiais que integram a Operação Choque de Paz. Muitos moradores acompanharam da rua e das janelas a movimentação e chegaram a aplaudir o hasteamento

Beltrame diz que meta de instalar 40 UPPs está mantida
Balanço mostra apreensão de granada e máquinas caça-níqueis
Polícia vai permanecer na Rocinha até instalação da UPP
Cabral liga para Dilma e agradece apoio

Operação na Rocinha tem maior número de militares
Rocinha tem escolaridade média de 5,1 anos
PF fica no Rio o tempo que for necessário, diz ministro

(Redação com Ag.Brasil)

Petrolífera suspende produção em poço que apresentou vazamento na Bacia de Campos




Rio de Janeiro - A empresa Chevron Brasil informou no sábado (12), por meio de nota, que interrompeu as atividades de perfuração no Campo de Frade, na Bacia de Campos. A companhia também disse que fechou o poço que estava sendo perfurado na região onde foi identificado um vazamento de óleo.
A Chevron Brasil, que é responsável pela exploração de petróleo no local, estima que o volume vazado seja equivalente a um total de 404 a 650 barris.
A empresa informou, ainda, que está coordenando uma frota de navios de apoio enviados para dar suporte à operação, controlar a mancha e minimizar qualquer impacto ambiental.

A presidenta Dilma Rousseff determinou ontem atenção redobrada e uma rigorosa apuração das causas do vazamento de óleo.

Dia Mundial do Diabetes: diabetes pode levar ao câncer?



Nesta segunda, 14 de novembro, é comemorado o Dia Mundial do Diabetes. Como todos sabem, o diabetes é uma doença que atinge cada vez mais a população. Trata-se de um distúrbio metabólico, que altera os níveis de glicose e de insulina no sangue. Quando uma pessoa é considerada diabética, certamente não produz quantidade adequada de insulina ou esse hormônio não age com eficiência no organismo.

Mas, o que muitos não sabem, é que o diabetes pode levar ao câncer. De acordo com estudos, a doença aumenta a incidência de câncer de fígado, pâncreas, intestino e endométrio em pelo menos duas vezes e, em menor grau, aumenta também o risco de desenvolvimento de câncer de cólon e reto, mama e bexiga. Os possíveis fatores relacionados ao aparecimento de câncer e diabetes são a obesidade, o sexo, a idade, o sedentarismo e o tabagismo.

Os métodos preventivos, tanto para o câncer como para a diabetes, são os mesmos: dieta balanceada, atividades físicas, evitar bebidas alcoólicas e tabagismo, realização de exames periódicos, visita regular ao médico etc.

Mas, de fato, por que a diabetes pode levar a um câncer? Para entender essa relação, indicamos fontes da Oncomed Belo Horizonte para tirar todas as dúvidas sobre o assunto.

domingo, 13 de novembro de 2011

Brasil Alfabetizado entrega certificados a alunos em São Francisco de Itabapoana


Foto:Ascom.


Na última sexta-feira (11/11) aconteceu a formatura dos alunos do projeto do projeto Brasil Alfabetizado em São Francisco de Itabapoana que, segundo a secretária de Educação e Cultura, Yara Chínthya Nogueira encontrava-se desativado no município e foi resgatado na atual gestão. Este foi o segundo ano que o Brasil Alfabetizado forma turmas no município.

Com duração de 8 meses, o projeto formou esse ano 28 turmas, marcando um aumento significativo em relação ao ano anterior, que formou 17 turmas. Participaram do projeto 20 comunidades: Alegria dos Anjos, Boa Esperança do Sul (Coréia), Boa Vista Italiana, Bom Jardim, Cajueiro, Floresta, Funil, Guarixima, Macuco, Nova Belém, Praça da Fé, Praça João Pessoa, Quatro Bocas, Santo Amaro, Santo Antônio, Santa Clara, Santa Luzia, Santa Rita, Travessão de Barra e Vilão.

Criado pelo Ministério da Educação e Cultura, Projeto Brasil Alfabetizado tem por objetivo a diminuição dos níveis de analfabetismo no país. Seu direcionamento é para jovens e adultos, faixas etárias mais afetadas. A cerimônia teve início às 19h e contou com um público de aproximadamente 400 pessoas num salão de festas no centro da cidade.


A cerimônia foi marcada pela exposição dos trabalhos realizados pelos alunos ao longo do projeto. Também foi montada uma exposição de antiguidades como referência ao processo de ensino utilizado no projeto, que conta com a contextualização, através de memórias.

Entre as antiguidades encontravam-se lampiões, ferros de passar à carvão, televisores e rádios antigos, livros e dinheiro de várias décadas passadas.

Houve na cerimônia a declamação de poesias de Drummond de Andrade, feita pelos próprio formandos; encenação de algumas de suas lembranças e exibição de um vídeo montado durante o projeto. Logo depois foram sorteados alguns prêmios entre os formandos e em seguida o jantar.

Segundo a gestora local do Projeto, Magna Peçanha, o aprendizado dos alunos acontece de forma voluntária e o professor funciona apenas como catalisador. “No Projeto Brasil Alfabetizado os alunos aprendem utilizando-se de suas próprias memórias. Eles são estimulados a se expressar, contando suas histórias. A partir daí, eles falam, desenham e escrevem, fazendo isso dentro de um contexto conhecido, suas memórias, o que torna o aprendizado mais fácil”, comentou Magna.

De acordo com a secretária municipal de Educação Yara Cínthya Nogueira, a formatura de mais uma turma é um grande momento. “Ficamos realizados, não só como educadores, mas também como seres-humanos, pois essas pessoas recebem uma grande oportunidade, que não tiveram quando mais jovens. É uma grande conquista para os formandos e para nós também”, contou a secretária.

Estavam presentes o prefeito, Beto Azevedo e a primeira-dama. Romênia Azevedo. a secretária de Educação e Cultura, Yara Chínthya Nogueira; o subsecretário de Administração, José Renato Cunha e o vereador Kdemar Cordeiro. (Da redação com Ascom SFI)

Ministério Ana Maura grava cd ao vivo



Na noite deste sábado (12) o altar da Igreja Batista Praia Clara, em Santa Clara, foi palco de muitos louvores e bênçãos por conta da gravação do CD ao vivo "Vou Prosseguir", do Ministério Ana Maura. O evento contou com um grande público, que cantou as canções com Ana Maura. Também participaram o pastor e ministro Klênio Barbosa e o pastor Anderson Rosa.

Grupo Resgate de Barra do Itabapoana comemora 6º aniversário

A internauta Flávia Lousãn enviou e-mail em que pedi divulgação para o 6º Aniversário do Grupo Resgate, da Igreja Evangélica Assembléia de Deus. Confira:

Boa Noite Sr Paulo Noel, sou Flávia Lousãn de Barra do Itabapoana, da Igreja Evangélica Assembléia de Deus. Solicito a divulgação no blog do 6° Aniversário do Grupo Resgate, que será realizado no dia 14 de novembro de 2011, às 19h30, no Colégio Estadual Ana Nunes Viana, em Barra do Itabapoana.

Agradeço!