Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 18 de julho de 2015

SMTAPS de SFI oferece Colônia de Férias para crianças e adolescentes




A Prefeitura Municipal de São Francisco de Itabapoana, através da Secretaria Municipal do Trabalho da Assistência e Promoção Social - SMTAPS, está promovendo durante este mês de julho, na Escola Municipal Herval Luís dos Santos Batista, no Centro da cidade, das 8h às 16h, sua já tradicional Colônia de Férias para crianças e adolescentes entre 6 e 15 anos, que são assistidos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV.

A Colônia atende diariamente a uma média de 350 crianças e adolescentes, reunindo os integrantes dos núcleos de todas as localidades em que o serviço é oferecido.

Os participantes chegam pela manhã e fazem o primeiro lanche do dia e em seguida são distribuídos em grupos de interesse, dentro dos quais podem circular por diferentes universos, no decorrer do dia, interagindo nas oficinas de Teatro, Jiu-Jitsu, Capoeira, Contação de Histórias, Dança, Música, Sala de Jogos, Recreação e Sala de Cinema.

Logo após esse primeiro momento, é servido o almoço e depois de um breve descanso, as atividades são retomadas.

A organização da Colônia conta com uma equipe de orientadores sociais, monitores, facilitadores, pessoal de apoio e coordenadores que se empenham ao máximo para tornar este período prazeroso e divertido para cada um dos participantes.

A secretária de Promoção Social, Dayse Teixeira, disse que é muito gratificante oferecer às Crianças e Adolescentes do SCFV a oportunidade de experimentarem atividades novas, vivenciando novos mundos, descobrindo os seus talentos e aguçando a criatividade.

“Pensamos na qualidade de todas as atividades que oferecemos e apostamos que seja um período de ampliação de experiências na vida de cada um deles. Nosso objetivo é tratá-los com exclusividade! Estamos atentos ao bem-estar, disposição e entrosamento de todos! Acreditamos que será um período especial e enriquecedor, que poderá contribuir de alguma forma, para a qualidade de vida dos participantes", ressaltou.


Ascom-SFI

Obras de revitalização da orla de Santa Clara em SFI seguem ritmo acelerado


As obras de revitalização da orla na Praia de Santa Clara, litoral do município de São Francisco de Itabapoana, estão em ritmo acelerado.

De acordo com o secretário municipal de planejamento e desenvolvimento, Florentino Cerqueira,  cerca 90 % do calçamento já foi concluído.

“Os trabalhos no local começaram no final de maio deste ano, quando foi lançada a pedra fundamental oficializando o início da obra. Nesse curto tempo, percebe-se já se avançou muito, uma vez que o prazo estimado para a conclusão é de 14 meses”, destacou.

O empreendimento, orçado no valor do convênio de R$ 6,5 milhões, publicado no Diário Oficial em junho de 2014, é oriundo de uma parceria entre o governo municipal e estadual, através do Programa Somando Forças.

Estão previstos no projeto:  a construção de 10 quiosques, (cinco destinados ao comércio e cinco para uso administrativo e coletivo),  banheiros, posto de policiamento e do Projeto Tamar.

Além disso, uma concha acústica, onde terão shows, um prédio para a realização de feira de artesanato, academia ao ar livre, playground e calçadão, construído em pedra portuguesa.


No espaço haverá também ciclovia, três rampas de acessibilidade para o mar e a instalação de um sistema de iluminação, que não causará impacto ambiental.

O prefeito Pedrinho Cherene disse que está unindo esforços para concluir a obra o mais rápido possível. “A população e turistas merecem mais comodidade em nossas praias”, ressaltou.


Ascom-SFI

sexta-feira, 17 de julho de 2015

Prefeito de SFI se reúne com o INEA em prol dos pescadores da região


O prefeito do município de São Francisco de Itabapoana, Pedrinho Cherene,  se reuniu nesta quinta-feira (16) com o presidente do Instituto Estadual do Ambiente – INEA, Marcus de Almeida Lima,  para solicitar  a execução de obras de recuperação e desassoreamento do Rio Itabapoana, nos trechos das localidades de Barra do Itabapoana, Guaxindiba e do canal de Gargaú.

Estiveram acompanhando o prefeito, o secretário de Agricultura, Edmar Henriques,  a presidente da colônia de pescadores de São Francisco, Diviane Chagas, o vereador Raliston Souza e o pescador Almir Alves.

Na ocasião, Pedrinho apresentou fotos e um mapeamento do canal assoreado,  o “ Boca da barra”, como é popularmente conhecido, sendo o local mais crítico.

“Cada dia mais estamos preocupados com o fluxo da pescaria na nossa região, uma das principais fontes de renda do município. É de costume sair para o mar setenta embarcações de pesca , com média de cinco tripulantes, que atendem cerca de trezentas e cinquenta famílias. Por conta do assoreamento, a atividade pesqueira tem sido realizada com dificuldade. Isso tem refletido significativamente na renda familiar dos pescadores e na economia da região”,  ressaltou o prefeito.


O presidente do INEA,  Marcus de Almeida Lima, se comprometeu em atender a solicitação do prefeito, enviando um grupo de  especialistas do INEA no município, que vai realizar um estudo do local, para que sejam tomadas as medidas necessárias.

Ascom-SFI

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Falha no 190 foi tema da reunião do Conselho de Segurança em Imburi


Moradores tiveram dificuldades em pedir socorro à PM no dia da explosão dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil. Um motociclista foi até a 3ª Cia avisar sobre a explosão.


A dificuldade de comunicação da população com o telefone de emergência 190 da 3ª Cia de Polícia Militar do 8º BPM de São Francisco de Itabapoana foi tema da pauta de reunião do Conselho de Segurança Pública de São Francisco de Itabapoana na manhã desta quinta-feira, 16, no salão da Igreja Batista de Imburi, presidida pelo advogado Romário Teixeira Bernardo.

A reclamação anônima sobre o 190 que não funciona, chegou em um bilhete à mesa principal da reunião do Conselho de Segurança que se transformou em debate. O assunto foi citado também pelo vice-presidente do Conselho de Segurança.

— Se a Polícia Militar não tem bola de cristal para saber onde o crime acontece,  o telefone de emergência deveria ser um canal de aproximação dos moradores com a PM. Mas, o 190 não funcionou no dia da explosão aos caixas eletrônicos do Banco do Brasil em SFI. Simplesmente, o 190 não atendia — relatou Efraim Luiz, vice-presidente do Conselho Comunitário de Segurança de SFI.

O vereador Alexandre Barrão também comentou o assunto dizendo que recebeu informações de vários moradores se queixando da dificuldade de comunicação com a PM pelo 190.

— Quero que seja constado em Ata da reunião esta falha. Isso não pode acontecer — disse o vereador.

Outros temas também foram abordados durante a reunião. Dentre eles, o aumento do tráfico de drogas na Praia de Gargaú. Uma integrante do Conselho de Segurança disse que ficou sabendo que muitos barcos são utilizados para o transporte de drogas em Gargaú.

O arrombamento de casas no litoral sanfranciscano, em Santa Clara, Guaxindiba e Gargaú, tem sido rotina disse o representante do Rotary Club de São Francisco de Itabapoana, Mario Antônio.

— Na praia, todo mundo sabe quem são estes ladrões arrombadores. Só a polícia não sabe. Eu quero uma explicação da mesa: porque estes elementos não são presos. É impossível que a polícia não saiba quem são eles. Se nós, que não somos da polícia sabemos — disse.

A delegada titular da 147ª Delegacia Legal de São Francisco de Itabapoana, Ivana Morgado explicou que a autoridade policial somente pode entrar em uma residência para prender um suspeito indicado pela comunidade, de posse de mandado assinado pela Justiça, ou de prova testemunhal de que o elemento praticou o crime. Para prender esses elementos tem que ser em fragrante delito.

— O mesmo acontece no caso dos barcos de pesca que acessam o canal de Gargaú, transportando drogas. Tem que ser uma operação com informação precisa de que ali existe carregamento de drogas — disse a delegada que continuou.

— Gostaria muito de sair por aí prendendo bandidos. Mas estaria incorrendo em abuso de autoridade e colocando a minha carreira em risco. É muito mais complexo do que se possa imaginar. O mar é livre, lá não tem polícia.

Com relação à ocorrência de explosão dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil a delegada disse que a investigação demanda tempo.

— Estamos diante de uma quadrilha altamente perigosa e, nem sempre temos uma resposta imediata. Vamos ter resultado em breve. Com relação a falha de comunicação com o 190 da PM, sugiro que liguem também para a Delegacia Legal, 2789.1322 ou para o BPRv, 2789-9492 — disse.

Outro tema abordado foi a necessidade do aumento do patrulhamento ostensivo pelas ruas, principalmente nos finais de semanas e nas Estradas vicinais do município de acesso as comunidades rurais.

A reunião não foi apenas de debate. Ao final, foi lembrado o bom trabalho dos PMs que destacaram em suas atuações sendo alvo de homenagem em Campos pelo comando do 8º BPM.

Outro assunto abordado, foi com relação aos produtores rurais de necessitam transitar com seus tratores pelo RJ-224. O comandante do Batalhão de Policia Rodoviária Estadual (BPRv posto de Imburi) disse que a legislação de trânsito prevê que o trator tem de ser emplacado.

— Só atravessar a Rodovia, não há nenhum problema — disse.

Já se aproximando ao final de reunião ainda foram abordados assuntos como, o perigo das pipas sustentadas no ar com linha com cerol e a necessidade urgente do município contar com uma guarnição do Corpo de Bombeiros.

Com relação as pipas, foi sugerido a imprensa uma divulgação de um alerta geral do perigo que representa a linha com cerol, principalmente para os motociclistas que devem utilizar antenas adaptadas no guidão. 

 O Blog do Paulo Noel levou à mesa uma proposta de convite a um representante do Corpo de Bombeiros para a próxima reunião em Vilão para falar sobre a implantação de uma guarnição daquela corporação na cidade de SFI. Sobre o assunto,conversamos  após o encerramento da reunião com o Secretário Municipal de Planejamento Tininho Cerqueira.

Ele informou que o prefeito Pedrinho Cherene já vem conduzido o assunto com o comando da corporação  e que , em breve, dará uma entrevista falando dos detalhes da parceria do governo do RJ com o município para viabilizar a implantação do Corpo de Bombeiro em SFI. 

O representante do Rotary Club São Francisco de Itabapoana e gerente da CEDAE em SFI Mário Antônio, disse ainda sobre o assunto, também após a reunião, que já foi procurado pelo comando do Corpo de Bombeiros para saber sobre a implantação de pontos de hidrômetros na cidade. Pelo visto, a implantação de uma unidade do Corpo de Bombeiros em SFI sairá a qualquer momento. Vamos torcer para que venha pois faz muita falta ao município.  

Ferrovia Rio-Vitória será apresentada em audiência pública nesta sexta-feira em Campos


Evento detalhará projeto de R$ 7,6 bilhões. Malha ferroviária cruzará o Norte Fluminense e possibilitará ligação com os Portos do Açu, em São João da Barra, e Central, em Presidente Kennedy.

Infográfico publicado no Jornal
A Gazeta - Ferrovia Rio-Vitória
representada pelo traçado
em vermelho
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Secretaria de Estado de Transportes (Setrans) realizam nesta sexta-feira, dia 17, das 9 às 13 horas, a audiência pública da nova ferrovia Rio-Vitória (EF-118). O evento acontece em Campos dos Goytacazes, na Universidade Cândido Mendes, localizada na Rua Anita Peçanha, 100 - Parque São Caetano. O evento vai contar com a participação do secretário de Estado de Transportes do Rio de Janeiro, Carlos Roberto Osorio, e do representante da ANTT, Carlos Nascimento.

Na audiência pública será apresentado em detalhes o projeto de engenharia de implantação da nova ferrovia, incluindo traçado detalhado, infraestrutura da obra, potencial logístico, integração com a malha ferroviária nacional e com os portos do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, e o potencial de geração de negócios.

A malha ferroviária cruzará o Norte Fluminense e possibilitará ligação com os Portos do Açu, em São João da Barra, e Central, em Presidente Kennedy.

As audiências são a última etapa a ser vencida para que o projeto da nova ferrovia seja encaminhado para apreciação do Tribunal de Contas da União (TCU) e, posteriormente, colocado em licitação pública pelo Governo Federal para concessão por meio de parceria público privadas (PPP).


A nova ferrovia Rio-Vitória faz parte do Programa de Infraestrutura e Logística (PIL), lançado pela presidente Dilma no mês passado, que prevê a concessão, por parte da União, de ferrovias, rodovias, portos e aeroportos em todo o país.

Do Blog com informações da Ascom - Secretaria Estadual de Transportes  

Neste sábado, 18-07, tem Cineclube na Praça de São Francisco com o tema “Juventude”



Pipoca, vídeos e debate. Neste sábado (18-07), às 19 horas, acontece mais uma edição do Cineclube São Francisco, desta vez na Praça de São Francisco de Paula, no Centro de São Francisco de Itabapoana. Organizado pelo Grupo Gestor Local (GGL) do Núcleo de Educação Ambiental da Bacia de Campos (NEA-BC), o evento visa promover um debater acerca da juventude de São Francisco de Itabapoana.


“Todos podem participar para juntos discutirmos ações que possam contribuir para a juventude de São Francisco de Itabapoana”, convida Victor Carvalho, assistente de mobilização e logística do NEA-BC.

Jornalista e ator sanfranciscano lança livro no Museu Municipal de Campos, nesta sexta-feira (17)




Foi Assim...” Este é o título do primeiro capítulo do livro “Palavras Além de Mim”, que será lançado nesta sexta-feira (17/07), às 19h00, no Museu Municipal de Campos. Por trás de cada texto, uma experiência vivida com detalhe e riqueza, mas, sobretudo com aprendizado e reflexão. As páginas registradas leva o leitor ao detalhe vivido, por vezes, despercebido.

O jornalista e ator Jonatan Fernandes embarcou neste desafio e demonstrará o caminho percorrido na construção desta Obra. Com o subtítulo “Quando Deus se Revela no Avesso da Dor”, o livro traz um novo olhar sobre o cotidiano e o evento será propício para esta partilha.

Saudade, amor, amizade, perdão, medo, fé e coragem são alguns dos pilares que sustentam uma linguagem literária, com base cristã. O evento será aberto ao e contará com a participação da Editora Nova Terra, do Padre Antônio Marcello que acompanhou e apresentou o livro, além de pessoas que fazem parte desta história.

Jonatan ressaltou que terá satisfação em receber o público e partilhar este feito. “Esta Obra está distribuída em todo o Brasil e já tenho recebido mensagens de pessoas que testemunham o conteúdo do livro, que compartilham suas positivas experiências na leitura do conteúdo, além da crítica que tem recebido muito bem ‘Palavras Além de Mim’”, disse Jonatan sobre o resultado do pré-lançamento.

O Autor

Jonatan Fernandes é jornalista, porém coleciona uma vasta experiência artística, como ator e músico, no Ministério de Música Católica Renovação, na via sacra da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) de 2013, e em espetáculos musicais pela Oficina de Atores do Rio e pela Cia de Teatro Arte em Cena. Ele faz parte do Projeto Geração Jovem e atua em empresas de grande porte, há 7 anos, na área de Comunicação Empresarial, com destaque em Responsabilidade Social, Treinamento e Desenvolvimento e Comunicação Interna e Externa.

Sua inspiração para este primeiro livro veio da sua forte ligação com a religiosidade e sua missão como comunicólogo. O resultado foi este trabalho de motivação para que as pessoas conectem-se mais com o mundo onde vivem, absorvendo melhor o que ele pode oferecer a elas.

Assessoria

Rosinha e Chicão são cassados pela Justiça Eleitoral, mas recorrem no cargo


Por decisão do juiz da 99ª Zona Eleitoral (ZE) de Campos, Luiz Alfredo Carvalho Júnior, a prefeita de Campos Rosinha Garotinho e seu vice Francisco Arthur de Souza Oliveira, o Dr. Chicão, tiveram mandatos cassados, além de ficarem inelegíveis por oito anos, a contar de 2012. A decisão em primeira instância permite que ambos permaneçam no cargo até o julgamento dos recursos.

A decisão, datada de 1º de julho, foi publicada nesta quarta-feira (15/07), no site da Justiça Eleitoral. O motivo da cassação foi a contratação de servidores temporários através do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA) para atuarem nas secretarias de Educação, Família e Assistência, Planejamento e Gestão, Saúde (através do Centro de Controle de Zoonoses), Desenvolvimento Econômico e Petróleo, além das Fundações de Esportes e Oswaldo Lima.

Na mesma ação foram declarados inelegíveis os seguintes ex-secretários e secretários: Izaura Colodete Antonio de Sá, Magno Prisco Pereira Neves, Ana Lúcia Sanguedo Boynard, Patrícia Cordeiro Alves, Marcelo Neves Barreto, Geraldo Augusto Pinto Venâncio e Cesar Palma de Salles Ferreira.

Além da cassação e inelegibilidade, que teve como base o crime de abuso de poder político e econômico, todos os envolvidos foram condenados a pagarem uma multa de 15.000 Ufir.

A Ação Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) foi interposta pelo candidato a prefeito nas ultimas eleições, Jose Geraldo Moreira Chaves e do Partido Republicano Progressista (PRP), representado pelo advogado Jose Paes Neto, que denunciou a contratação de pelo menos 1.166, por meio de 8 editais, de trabalhadores temporários.

Por meio de nota, o advogado do Partido da República, Francisco de Assis Pessanha Filho, disse que "Em relação a decisão proferida na ação eleitoral referente ao REDA, a assessoria jurídica do Partido da República – PR vem esclarecer o seguinte:

A Prefeita do Município de Campos dos Goytacazes, Rosinha Garotinho, e o Vice Prefeito, Chicão Oliveira, não infringiram qualquer legislação eleitoral.

Respeitando a decisão judicial e o Excelentíssimo Magistrado que a prolatou, confia que a decisão será revertida pelo TRE-RJ, eis que baseada, exclusivamente, em matérias jornalísticas extraídas de determinados veículos de comunicação.

As contratações do REDA poderiam ocorrer até o dia 07/07/2012, sendo que a última se deu no dia 04/07/2012. Essa questão é objetiva, temporal, não há o que se questionar.

Os autores da ação não apresentaram nenhuma prova que desse amparo as acusações, tendo a decisão se baseado em notícias colhidas da internet para afirmar que houve contratação após o dia 07/07/2012, o que levará, invariavelmente, a sua reforma.

Além disso, é desproporcional aplicar-se qualquer sanção punitiva pela contratação de 1.166 pessoas, quando o resultado das eleições apontou a vitória da Prefeita Rosinha Garotinho com 167.615 votos, que retratam 69,96% do eleitorado, no primeiro turno, gerando a diferença de 106.472 votos para o segundo colocado.

Ressalte-se, por fim, que a sentença não produz efeitos imediatos, não havendo que se falar em afastamento dos cargos". Fonte: Ururau. Foto: carlos Grevi

Veja no site do TRE-RJ que divulgou matéria sobre o assunto: 
Prefeita de Campos é cassada por abuso de poder político

quarta-feira, 15 de julho de 2015

João Neto e Frederico no 29º Festival do Maracujá em SFI



João Neto e Frederico é uma das principais atrações do tradicional Festival do Maracujá, que será realizado entre os dias 24 e 26, no distrito de Travessão de Barra, em São Francisco de Itabapoana. Já em sua 29º edição, o evento é realizado pela prefeitura, por meio da Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio e Amoratra – Associação de Moradores de Travessão de Barra.

De acordo com o secretário de Turismo, André Ricardo, para atrair a população e turistas, a programação da festividade conta com shows de grandes artistas nacionais e regionais, barracas de derivados do Maracujá, desfile de moda, esportes radicais, entre outras atrações.

“A secretaria de Turismo com o total apoio do prefeito sempre busca a cada ano organizar uma boa festa que agrade a maioria, oferecendo o melhor dentro dos limites da nossa realidade financeira”, destacou.

No primeiro dia de festa, sexta feira (24), haverá a solenidade de abertura oficial. Em seguida, a partir das 22h, show com Júlio e Maycon e, logo, Juninho do Forró.

No sábado (25), a partir das 22h, será a vez da dupla João Neto e Frederico, um dos principais representantes da música sertaneja universitária no Brasil. A música deles é sucesso em todas as rádios do Brasil, atingindo a marca de mais de 6 milhões de visualizações no Youtube e tem aumentando cada dia.

Quem se apresenta na madrugada de domingo é o grupo Amigos do Forró.  Já à noite, às 22h, ficará por conta do grupo dos Piratas.   

Durante todos os dias do evento o público será recepcionado, com um amplo stand instalado com diversos produtos, doces e outros derivados do Maracujá.

O prefeito Pedrinho Cherene disse que unindo esforços das secretarias municipais e toda equipe de governo mais uma vez promove a Tradicional Festa do Maracujá.

“Apesar da crise, através de um bom planejamento estratégico que prima pelo gasto com o que é necessário, com muita satisfação conseguimos realizar os eventos tradicionais do nosso município, como a festa do Maracujá e a Exposição Rural. Vale esclarecer que, por conta da crise financeira,  tivemos que começar ambas as festas na sexta ao invés de quinta como era de costume”, ressaltou.

Confira a programação completa:

24-07 - sexta-feira
19h Solenidade de abertura oficial do Festival
18h Futsal Masculino
22h30 Show com Julio e Maycon  (logo após Juninho do Forró)

25-07 - sábado
10h Passeio de trenzinho
11h Brincadeiras infantis e cabo de guerra
13h Brincadeiras infantis e Pau de sebo
15h Torneio Feminino de futsal
16h Rodada da Copa São Francisco de Futsal feminino
20h Apresentação de quadrilhas "Chega Mais" do RJ
23h Show com João Neto e Frederico (logo após amigos do forró)

26-07 - Domingo
9h - Velo terra
10h cavalgada saindo do Posto Noel  (Trevo de Praça João Pessoa)
14h Show de Forró na chegada da cavalgada
18h Festival de Prêmios
19h Apresentação de quadrilhas "Chega Mais" do RJ
20h30 Desfile da “menina Flor” e “Rainha do Festival”
22h30 Show com Os Piratas

Ascom-SFI

Jovem morre afogado no mar de Atafona

Foto aérea de Ralph Braz (praia de Atafona) .
Um jovem de nome Wesley Almeida Ferreira, 15, morreu, após se afogar nas águas do mar de Atafona, litoral de São João da Brra, por volta das 11h40m desta quarta-feira, 15. 

A informação chegou ao Blog através da Polícia. Informações extra-oficiais dão conta de que o jovem estaria surfando no momento do afogamento. O Corpo de Bombeiros assim que chegou ao local ainda deu os primeiros socorros. 

O Blog apurou que os soldados do Corpo de Bombeiros fizeram de tudo para salvar o Wesley. 

     — Foram momentos de desespero e muita emoção. Teve bombeiro que chegou a chorar quando percebeu que não conseguia ressuscitar o jovem — disse uma internauta.

Wesley é de família de São João da Barra, muito conhecida. Ele estava na praia com um colega praticando surf.

  — O colega gritava muito, enquanto a equipe de socorristas, que chegou rápido, atendia o colega. Infelizmente o rapaz não resistiu —  disse a internauta. 

Levado para o Centro de Emergência em São João da Barra, o rapaz não resistiu e veio a óbito.  O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal em Campos dos Goytacazes.

Policiais Militares que mais se destacaram são homenageados pelo 8º BPM


Solenidade ocorreu no auditório
da Uenf (Foto: Wagner Basílio/Ururau)
O 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Campos homenageou 90 policiais militares que se destacaram nas melhores ocorrências do segundo trimestre de 2015 na área de atuação, que compreende os municípios de Campos dos Goytacazes, São Francisco de Itabapoana, São João da Barra e São Fidélis. A solenidade foi realizada na manhã desta terça-feira, 14-07, no Centro de Convenções da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf).

Nove policiais militares, lotados na 3ª Companhia em São Francisco de Itabapoana foram homenageados. O Blog parabeniza todos os policiais militares lotados em São Francisco de Itabapoana, sob o comando  do Tenente Carmo, em especial os que se destacaram, são eles: Sub Tenente Moreira, Sargentos Jordany, Lage, Sousa, Lauro, Machado, Leandro e Marins, além do Soldado Gregory.

A Delegada de São Francisco de Itabapoana, Ivana Morgado, e sua equipe e os demais delegados da Região receberam um certificado do 8º BPM em reconhecimento a boa parceria entre a Polícia Militar e a Polícia Civil, o que resultou na redução de crimes, na área de cobertura do Batalhão, estipulada pela Secretaria de Estado de Segurança (SESEG). Por conta do objetivo alçando os policiais militares e civis, que atuam nas áreas que apresentaram redução nos índices de criminalidade irão receber ainda este ano R$ 13,5 mil de gratificação.

Estão lotados atualmente no 8° Batalhão 1086 policiais militares. Em entrevista ao site Ururau, o comandante do 8º BPM, tenente coronel Marcelo Freiman, que está no comando do batalhão desde dezembro de 2014, disse que as metas alcançadas se deram devido um trabalho integrado entre as forças de segurança pública.

“Devido a um brilhante trabalho integrado, entre as polícias militar, civil, federal e até mesmo com os órgãos municipais, conseguimos reduzir os números de roubos a veículos, roubos a transeuntes e crimes contra vida, como homicídios”, disse.


Além da delegada de São Francisco de Itabapoana, compareceram à solenidade o delegado titular da 134ª Delegacia Legal do Centro, Geraldo Rangel, o delegado titular da 146ª Delegacia Legal de Guarus, Carlos Augusto Guimarães, o delegado titular da 141ª Delegacia Legal de São Fidélis, Rodrigo Maia e o comandante da 6º Comando de Policiamento de Área (6º CPA), coronel Lúcio Flávio Baracho de Sousa.

A delegada Ivana Morgado entre os delegados e inspetores da Polícia Civil
Sargentos Jordany e Lage entre os homenageados
Certificado concedido ao Sargento Jordany

Conselho de Segurança Pública volta a se reunir nesta quinta em Imburi

A localidade de Imburi, em São Francisco de Itabapoana, vai sediar mais uma reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública de São Francisco de Itabapoana nesta quinta-feira, 16, às 10 horas da manhã na Igreja Batista de Imburi.  

O presidente do Conselho de Segurança, Romário Teixeira Bernardo, convida toda a comunidade e associações de moradores para prestigiem a reunião. Estão confirmadas as presenças da delegada Ivana Morgado, titular da 147ª Delegacia Legal de SFI e do comandante da 3ª Cia de Polícia Militar de SFI, Tenente Carmo. 

Morre a esposa do ex-vereador Antoninho de Bom Lugar

Foto do casal do Facebook
Comunicamos com pesar o falecimento de dona Virgínia da Conceição, 81, mais conhecida por Zizi, ocorrido por volta das 4 horas da madrugada desta quarta-feira, 15, na Santa Casa de Misericórdia de Campos. 

Dona Zizi deixa viúvo o ex-vereador Antoninho de Bom Lugar, 4 filhos, 15 Netos e 7 bisnetos. O corpo está sendo velado em sua casa em Bom Lugar. O sepultamento foi às 18 horas no cemitério de São Francisco de Itabapoana .

Antoninho foi quem deu a notícia triste agora pela manhã. Emocionado falou da convivência de 60 anos que teve com Dona Zizi. A Rádio São Francisco e o Blog do Paulo Noel enviam os sinceros pêsames a família enlutada.

terça-feira, 14 de julho de 2015

2º Festival do Aipim agita o final de semana de Quatro Bocas

A comunidade de Quatro Bocas, no município de São Francisco de Itabapoana, sedia neste fim de semana, o 2º Festival do Aipim dias 18 e 19 de julho.

A região é grande produtora da raiz e, durante o evento, serão preparados quitutes com receitas variadas utilizando o ingrediente.

A programação inclui no sábado, chegada da cavalgada dos amigos de Santa Luzia as 17 horas. A partir das 19 horas, haverá apresentação da quadrilha da roça local e, logo após, apresentação da quadrilha Estrela Cadente de Campos. A festa prossegue com show com Lauriano e Gabriel. Após o show grande forró no salão Fatos Bar com Luciano dos Teclados e Erika Freitas.

No domingo, 19, a programação inclui show com Lindroso do Recife e às 19 horas reapresentação quadrilha local. A banda Amigos do Forró encerra a programação.


Classificação do Campeonato de Futebol de SFI

Após nove rodadas, veja como está a disputa:

Categoria Aspirante
Últimos jogos válidos pela 9ª rodada, realizados no último domingo, 12-07:




Categoria Principal
Últimos jogos válidos pela 9ª rodada, realizados no último domingo, 12-07:



Próximos jogos:
Folga: Máquina

Veja aqui a tabela completa

Conferência Municipal da Saúde será nesta quarta-feira em SFI

Saúde Pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: direito do povo brasileiro.  Esse será o assunto principal da 15ª Conferência Municipal de Saúde de São Francisco de Itabapoana, que será realizada nesta quarta-feira (15),  das 8h às 16h, no colégio Estadual São Francisco de Paula, situado no centro da cidade.

O evento é organizado pela Secretaria Municipal de Saúde, através do Conselho Municipal de Saúde. Podem participar da reunião representantes da sociedade civil, profissionais de todas as áreas da saúde pública e privada e usuários do sistema de saúde.

De acordo com o secretário de saúde, Jayme Tinoco, na ocasião serão discutidos os seguintes eixos temáticos: Direitos à Saúde, garantia de acesso e Atenção de Qualidade; Participação Social; Valorização do Trabalho e da Educação em Saúde; Financiamento do SUS e Relação Público–Privado.
“Além desses temas importantes para o progresso nos atendimentos em saúde no município, serão debatidos outros, como Gestão do SUS e Modelo de Atenção à Saúde; Informação, Educação e Política de Comunicação do SUS;  Ciência, Tecnologia e Inovação no SUS; Reformas Democráticas e Populares do Estado”, destacou.

O prefeito Pedrinho Cherene  disse que é mais oportunidade de apresentar e debater as políticas públicas em prol da área da saúde de São Francisco.

“Estamos sempre unindo esforços para melhorar o nosso sistema municipal de saúde cada dia mais e mais. Para isso, um dos meios eficazes é o diálogo entre o poder público e sociedade”, enfatizou.

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Operação flagra crimes ambientais em SFI


Desmatamento constatado em Santa Clara

Agentes da Secretaria de Meio Ambiente de São Francisco de Itabapoana (SEMASFI), policiais militares da 3ª Unidade de Policial Ambiental (3ª UPAM-Desengano) e da 3ª Companhia da Polícia Militar realizaram ações conjuntas de fiscalização no município de São Francisco de Itabapoana no último sábado, 11-07.

Em Santa Clara, na região conhecida como "Matinha", foi constatado crime supressão de vegetação (desmatamento), além de parcelamento do solo irregular urbano em área de resquício de mata (artigos 38 da Lei 9.605/98 e 50 da Lei de Parcelamento do Solo).

Os registros foram feitos na 147ª Delegacia Legal de São Francisco de Itabapoana. Entre os envolvidos está B.P.D, de 51 anos, morador em Santa Clara


Também na tarde de sábado os agentes realizaram blitz ambiental na divisa entre os Estados do Rio de Janeiro e Espirito Santo, diante de denúncias anônimas de tráfico de animais silvestres. Veículos automotores, principalmente de carga, foram fiscalizados. Ninguém foi preso.

Camionete pega fogo no Centro de São Francisco


Incêndio reascende mais uma vez a necessidade de uma guarnição do Corpo de Bombeiros no município




Uma camionete modelo Ranger pegou fogo e ficou totalmente destruída no Centro de São Francisco de Itabapoana, no início da noite desta segunda-feira, 13-07.

O motorista não se feriu e conseguiu sair a tempo antes de o fogo consumir o veículo. O carro pertence ao dono de um hortifruti de São Francisco de Itabapoana.

O incêndio começou por volta das 18h30, quando o motorista passava pela Rodovia Afonso Celso, na chegada da cidade, quase em frente à agência do INSS.

A suspeita é que  possa ter havido um curto circuito na parte elétrica ou um vazamento de gás. O veículo era equipado com GNV (gás natural veicular).

Durante o incêndio, que durou cerca de 50 minutos, a área foi isolada pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, já que a preocupação era o cilindro de gás explodir.

O Corpo de Bombeiros de Campos foi acionado, mas quando chegou ao local, uma hora depois de o incêndio ter começado, o fogo havia acabado. O incêndio reascende mais uma vez a necessidade de uma guarnição do Corpo de Bombeiros em São Francisco de Itabapoana.


Com uma população estimada pelo IBGE em 41.397 habitantes, São Francisco de Itabapoana não conta ainda com uma unidade do Corpo de Bombeiros. Este é mais um incêndio que nos faz questionar: até quando teremos de esperar as equipes de Campos chegarem e encontrarem tudo destruído pelo fogo?


Após acidente em SJB DNIT promete construir quebra-molas na BR-356

Reunião no Rio com o DNIT contou com presença do prefeito Neco, do deputado Bruno Dauaire e vereadores além do Secretário de Transporte e Trânsito de SJB.

Foto: Paulo Sérgio Pinheiro.
O superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Fábio Moulin, afirmou no início da tarde desta segunda-feira, em reunião com o deputado estadual Bruno Dauaire, que em 15 dias serão colocados quebra-molas e sinalização de redução de velocidade na BR 356 em dois pontos: em frente ao IFF e em frente à Escola Municipal Belmiro Ribeiro Alves, no Perigoso, ambos em São João da Barra.

A reunião com Moulin, que aconteceu na sede da superintendência, no Rio, foi agendada por Bruno a pedido do vereador Franquis Areas, que também participou do encontro, junto com os vereadores Eziel Pedro e Elísio Rodrigues, o prefeito de São João da Barra, José Amaro Martins e os secretários municipais de Transportes e Trânsito, Mário Rocha, e de Obras e Serviços, Marcos Sá, além de representantes do IFF e pais e alunos da instituição.


"Foi uma reunião muito proveitosa. Ainda não é o ideal, mas essas conquistas já representam um avanço na luta por mais segurança na rodovia", disse Bruno, que lamentou o acidente ocorrido na noite de quinta-feira, em frente ao IFF. Uma jovem, aluna da instituição, morreu no acidente e sua mãe, que estava com ela na motocicleta, está internada.

Saiba sobre o lamentável acidente que ceifou a vida de Fernanda Meireles em matéria produzida pelo Blog: 
Jovem morre em grave acidente em São João da Barra

 Veja mais. 
 "Acidente com morte de jovem em SJB foi tragédia anunciada", diz professor do IFF.  Manifestação pacífica reivindica "pardal" eletrônico na Rodovia BR-356 em frente ao IFF, local do acidente.

domingo, 12 de julho de 2015

Redução da maioridade abre precedente para revogar parte do ECA, diz advogado


O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completa 25 anos, nesta segunda-feira (13), no centro do debate sobre a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos. A mudança, de acordo com o coordenador do Movimento Nacional de Direitos Humanos em São Paulo, o advogado Ariel de Castro Alves, abre precedente para uma reinterpretação do ECA. Para ele, reduzir a maioridade penal seria como "revogar" o ECA em relação à proteção de adolescentes entre 16 e 17 anos.

"Vejo que seria um duro golpe contra o ECA. Pode provocar uma fragilização, porque a interpretação que pode ocorrer é que aqueles entre 16 e 17 anos, por terem a maioridade penal, não seriam mais sujeitos à proteção especial. Por exemplo, como considerar vulnerável diante da exploração sexual uma adolescente de 16 ou 17 anos que já pode responder até criminalmente por seus atos?”, indaga ele que também é assessor jurídico da organização não governamental Aldeias Infantis SOS.

Ele abre discussão ainda acerca da proteção do adolescente em relação ao consumo de bebidas alcoólicas. “Como impedi-lo de consumir bebidas alcoólicas, como punir quem fornece bebidas para aquele com idade entre 16 e 17 anos se ele é considerado imputável?”

Para outros especialistas ouvidos pela Agência Brasil, as discussões sobre a redução da maioridade penal, no entanto, poderiam ser evitadas se o ECA, sancionado no dia 13 de julho de 1990, fosse cumprido em sua totalidade. “Temos uma série de princípios que não se aplicam, por exemplo, os programas socioeducativos. Há 25 anos que está faltando competência técnica e gente especializada nesse assunto. Então, não é para mudar a lei, mas a realidade”, avaliou o procurador federal aposentado Edson Sêda, um dos redatores do texto do ECA aprovado pelo Congresso em julho de 1990.

De acordo com a ex-deputada Rita Camata (PSDB-ES), que foi relatora do ECA na Câmara dos Deputados, reduzir a maioridade penal é “acender um barril de pólvora”. De acordo com ela, o estatuto prevê punição para o adolescente infrator a partir dos 12 anos de idade. “Há uma grande confusão por parte dos que defendem a redução. Eles acham que o estatuto que impede [a punição dos adolescentes]. Mas o estatuto prevê que o adolescente seja responsabilizado a partir dos 12 anos. ”

Para o presidente nacional da Comissão de Direitos Humanos do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Everaldo Patriota, nas últimas duas décadas e meia, o Brasil criou uma “equação terrível” na política de prevenção e de ressocialização dos jovens. “Nós não cumprimos o ECA e agora estamos tratando dos efeitos e esquecendo a causa”, destacou. “A sociedade toda está tomada por uma paranoia de insegurança coletiva, mas o que foi que fizemos com nossas crianças e adolescentes? Não cuidamos delas e agora vamos criminalizá-las? ”, indagou.

Impunidade

Para Edson Sêda, a sensação de impunidade para o adolescente infrator decorre da falha de prefeituras e de governos estaduais e federal na execução das medidas de privação de liberdade e de liberdade assistida. “A lei manda controlar, mas não controlam. Manda fiscalizar a liberdade assistida, mas não se fiscalizam. O menino que deveria estar em liberdade assistida anda com uma faca, comete um crime, mas a culpa não é do estatuto, mas sim de quem não observou as regras. ”

Um dos redatores do ECA, Sêda lembrou que o estatuto prevê acompanhamento e punição ao jovem infrator não apenas até os 18 anos, mas aos 21 anos. “A lei não manda soltar o menino aos 18 anos nem apenas depois de três anos de internação. Ela fala que a liberdade compulsória ocorre aos 21 anos e que a liberdade assistida também deve ocorrer até os 21.”

Na avaliação do Instituto Alana, entidade que atua em prol da infância, o combate à violência não pode se restringir ao debate sobre a redução da maioridade penal. “Menos de 1% dos adolescentes são responsáveis por crimes contra vida no Brasil”, argumentou Pedro Hartung, advogado da instituição. “A violência é um problema estrutural e social. Isso tem a ver com acesso às políticas públicas mais básicas”, acrescentou.

Responsabilização

Para o promotor de Justiça, Infância e Juventude do Distrito Federal Anderson Pereira de Andrade, que há 30 anos atua na área da criança e do adolescente, é necessário aumentar o tempo de internação, previsto no ECA, para o jovem infrator. De acordo com o promotor, o estatuto deveria tratar da promoção e proteção dos direitos e uma outra legislação abordaria questões relacionadas à responsabilização.

“Acho que isso ajudaria muito e sinalizaria para a sociedade e para o próprio adolescente que essa responsabilidade agora é penal. Ao mesmo tempo que endureceria a pena naqueles delitos mais graves, garantiria mais direitos ao adolescente, direitos processuais, que hoje o estatuto não garante”, destaca Andrade.


O promotor explica que, se o adolescente cometesse um homicídio, por exemplo, ele estaria sujeito a uma pena mais dura, mas por tempo menor, com conteúdo mais reeducativo e em uma instituição diferenciada em relação ao adulto. (Fonte: Ag. Brasil )