Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

“Destak Regional”: sanfranciscano conquista o primeiro lugar no Circuito de Rodeio em São Sebastião do Alto


Competindo a pouco tempo, Neto já conseguiu o lugar maia alto do pódio

A edição do Jornal Destak Regional de outubro, que chega esta semana, traz matéria sobre o início de uma carreira promissora de dois peões de rodeio de famílias de São Francisco de Itabapoana. São eles: Antônio Siqueira Neto, 21 anos, de São Francisco de Itabapoana e Rômulo Machado Tinoco, 18 anos, da cidade vizinha de Presidente Kennedy (ES), mas com raízes familiares em terras sanfranciscanas. Os dois foram destaques no Circuito de Rodeio na cidade de São Sebastião do Alto, Estado do Rio de Janeiro. O sanfranciscano Neto ficou em primeiro lugar e Rômulo em terceiro. O Blog parabeniza os peões pelos excelentes resultados.

Segundo o jornalista Aurênio Nascimento, editor do Jornal, como o Destak Regional já estava na gráfica desde o último sábado (27/09), não houve tempo hábil para incluir na matéria a ótima participação dos peões na competição de São Sebastião do Alto, que ocorreu neste fim de semana, de 26 a 28 de setembro. 

Confira a matéria publicada no Jornal Destak Regional:

Peões da Terra começam a se destacar nos circuitos de rodeios

Os rodeios caíram no gosto do público e estão se tornando atrações obrigatórias nas festas e exposições da região


Neto e Rômulo são boas promessas 
no Rodeio (Fotos: Wagner Fraga)
Definitivamente os rodeios estão se transformando em atrações quase que obrigatórias nas festas agropecuárias e têm atingido um público cada vez mais numeroso em todo interior do Estado do Rio. A cada dia mais jovens têm aderido a esta prática recreativa, em busca de uma boa dose de adrenalina e da consagração do público. Na região, dois peões estão começando a chamar a atenção e também começam a se destacar nos circuitos de rodeios da região. São eles: Antônio Siqueira Neto, 21anos, de São Francisco de Itabapoana e Rômulo Machado Tinoco, 18 anos, da cidade vizinha de Presidente Kennedy (E.S), mas com raízes familiares em terras sanfranciscanas.

Neto, como é conhecido, é filho de Rozane Rosa e Antônio Siqueira Filho – Siqueirinha do Abacaxi. Já Rômulo, é filho de Rômulo César Tinoco e da vereadora Dilzerli Machado, da cidade vizinha de Presidente Kennedy (E.S) e que tem família de origem sanfranciscana.

Rômulo é estudante de veterinária e ficou em 4º lugar no rodeio da 32ª Exposição de Praça João Pessoa. Quase estreante no circuito – está na atividade há apenas 4 meses – só participou de dois rodeios até agora. “Eu gosto de rodeio desde criança, mas só agora que completei 18 anos que pude participar. Meu tio Machadinho foi minha inspiração e agora pretendo seguir carreira profissional”, diz Rômulo.

Neto também pretende seguir carreira profissional. Ele está no circuito há mais tempo. Nos últimos dois anos já participou de uns 20 rodeios. Há duas semanas conseguiu seu melhor desempenho. Ficou em 3º lugar num rodeio em Casimiro de Abreu. Sem poder se dedicar inteiramente à carreira, Neto divide seu tempo entre os treinos e o trabalho nas lavouras de abacaxi. “Montar num boi é uma sensação fora do comum. É muita adrenalina e eu realmente me realizo”, confessa Neto.

O Rodeio

Rodeio é uma prática recreativa que consiste em permanecer por até oito segundos sobre um animal, usualmente um cavalo ou boi. A avaliação é feita por dois árbitros cuja nota é de 0 a 50 cada; um árbitro avalia o competidor e o outro avalia o animal, totalizando a pontuação de 0 a 100.

A prática é bastante comum no Brasil, nos Estados Unidos, no México, no Canadá, na Austrália e em mais alguns países da América Latina. No Brasil, a maior festa de rodeio é a Festa do Peão de Barretos (SP), que chega a reunir em torno de 450 mil pessoas e movimenta milhões de reais em diversos setores. 

No Brasil, o rodeio está regulamentado pelas Leis Federais Nº 10.220/2001,4 que institui normas gerais relativas à atividade de peão de rodeio, equiparando-o a atleta profissional, e Nº 10.519/2002,5 que normatiza a realização dos eventos em que ocorrem rodeios, tornando obrigatória a presença de um médico veterinário e proibindo o uso de esporas pontiagudas, entre outros.

Nenhum comentário: