Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Excesso de multas a motoristas em São Francisco de Itabapoana pelo BPRv debatido na reunião do Conselho de Segurança

Dois vereadores, Alexandre Barrão e Marcelo Garcia do Legislativo sanfranciscano e o presidente da Associação Sanfranciscana de Ciclismo Cris Estevão, denunciaram o excesso de multas que policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual, posto de Imburi, vem aplicando aos motoristas em São Francisco de Itabapoana.  O assunto foi um dos temas debatidos na reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública de São Francisco de Itabapoana realizada nesta terça-feira 14, no salão paroquial da Igreja de São Francisco de Paula.

“Os motoristas de São Francisco de Itabapoana estão pagando um preço alto por estas multas sem merecimento”, disse o Cris Estevão acrescentando que tem casos de motoristas que receberam até três multas em um só mês do mesmo veículo.

O vereador Alexandre Barrão disse que as multas por infração por falta de documentos de habilitação, IPVA atrasado e outros, tem que ser aplicadas. “O que a população está estranhando, é que nenhum destes carros multados foram  abordados pelos policiais”, disse o vereador.

Para Marcelo Garcia é preciso que o assunto seja analisado pelo Conselho Comunitário de Segurança, pois tem sido muitas as reclamações de motoristas que afirmam que foram multados em lugares em que nunca estiveram.

Os representantes do BPRv que estavam na reunião não se manifestaram após as denúncias.  Porém, antes do assunto entrar em pauta, já que foi comentado no final da reunião, um policial do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual enalteceu a população sanfranciscana e disse que a polícia apenas cumpre a Lei quando constata casos de irregularidades, tanto de motoristas quanto de motociclistas.

Foi dito também, pelos vereadores, que não reconheciam os policiais presentes como os responsáveis pela aplicação das multas aleatoriamente. São multas por falta de uso do cinco de segurança, retorno no Portal da Cidade, onde não existem placas que indicam ser proibido o retorno naquele local e até por carros parados em local inadequados na Rodovia RJ-224.

Sobre este tema, o presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública, Romário Teixeira Bernardo, disse que a diretoria da entidade vai analisar com urgência o assunto.


Outros temas foram debatidos durante a reunião, como por exemplo: som automotivo com volume alto nos finais de semana na Praça de São Francisco de Paula; motociclistas que pilotam suas motos com a descarga “aberta”, provocando barulho na madrugada; arrombamentos de residências nas Praias, efetivo reduzido para atender todo o município e a convocação de PMs, que atuam no município, para atendimento a outras cidades, deixando a cidade com menos viaturas e policiais.

Além dos vereadores Marcelo Garcia e Alexandre Barrão, participaram da reunião as vereadoras Yara Cinthia e Patrícia Cherene, que também utilizaram o microfone para debater temas importantes como a questão do excesso de som automotivo e a utilização da rodovia, por motociclistas, para a prática de “pegas” nos finais de semana e utilização das motos como se fossem pranchas de surf.

A mesa principal contou ainda com a presença da delegada Dra. Ivana Morgado, do presidente do Conselho Romário Bernardo, do seu vice, Efraim Luiz, do presidente da Emtransfi - Empresa Municipal de Trânsito de SFI, coronel Amilton Barreto, do padre Lucas Mendes da Paróquia de São Francisco de Paula, do PM responsável pelo comando da 3ª Cia de Polícia Militar e de um representante da Guarda Municipal.

O padre Lucas Mendes fez um pedido especial para a Praça de São Francisco de Paula. “Precisamos de mais patrulhamento à noite e de madrugada. Infelizmente, a Praça, a partir de altas horas, está virando um espaço para o consumo de drogas”, disse.

O público interagiu enviando perguntas e sugestões e, mais uma vez, a reunião cumpriu seu objetivo, dando espaço democrático para que os assuntos pertinentes à segurança fossem livremente abordados.

Sobre um plano de ação para o período de verão, o vice presidente Efraim Luiz e o Coronel Amilton informaram que o prefeito Pedrinho Cherene já promoveu uma reunião para tratar do assunto, e que outras reuniões serão realizadas para que seja traçado um plano de ação conjunta das autoridades municipais com as autoridades policiais, (PM e Polícia Civil) além da Defesa Civil, do Batalhão de Polícia Rodoviária, Guarda Municipal e Emtransfi para o período de festas de final de ano e de férias, quando o município recebe milhares de turistas.

Participaram ainda da reunião representantes de associações de moradores do município.



Nenhum comentário: