Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sábado, 6 de dezembro de 2014

Município de SFI se organiza para consolidar e fortalecer a Economia Solidária na região


A Economia Solidária, um modelo alternativo de geração de renda em que todos participam na produção, comercialização e consumo, será ampliada no próximo ano no município de São Francisco de Itabapoana.
O prefeito Pedrinho Cherene explica que assinou o termo de adesão da Economia Solidária no início deste ano e está oferecendo os subsídios necessários para o funcionamento no município. 
“A prefeitura está dando total apoio a Economia Solidária, e assim, estimulando o desenvolvimento sustentável, que se dá pelo associativismo e cooperativismo entre os trabalhadores sanfranciscanos. Um dos exemplos que temos, é a loja de artesanatos, onde estão reunidas várias peças à venda. No entanto, queremos ampliar essa parceria coletiva de produção econômica em toda a região”, ressaltou.

A Delegada que representa a gestão pública do município a nível nacional, Renata Siquera, participou da 3ª Conferência Nacional de Economia Solidária – Conaes, realizada em Brasília, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, entre os dias 27 e 30 de novembro, e destacou a necessidade da conscientização da metodologia e da formação da Economia Solidária no município.

“A população deve entender que a Economia Solidária é um jeito diferente de produzir, vender, comprar e trocar o que é preciso para viver. Sem explorar os outros, sem querer levar vantagem, sem destruir o ambiente. Cooperando, fortalecendo o grupo, cada um pensando no bem de todos e no próprio bem", frisou.

Renata disse ainda, que a importância da participação dos delegados na conferência significa, literalmente, conferir as propostas para o plano que vem sendo discutido ao longo desses últimos anos em prol da Economia Solidária.

O município de São Francisco dispõe dois Delegados Nacionais, sendo Renata Siquera, representando os gestores públicos e Elzana Pereira ( sociedade civil) , representando os trabalhadores(as) . As delegadas, antes da conferência, participaram do Encontro de Mulheres e Economia Solidária, no dia 26 de novembro, em Brasília.

        No próximo dia 15, dia Nacional da Economia Solidária, que homenageia Chico Mendes (in memorian) ,  seringueiro, sindicalista e ativista ambiental brasileiro na luta contra preservação da Amazônia, será um marco para o município de São Francisco, pois ocorrerá  a construção do manto (colcha de retalhos), simbolizando  o cooperativismo  e associativismo entre os trabalhadores da Economia Solidária do município.

       Ainda no mesmo dia de comemoração, será marcada a data do Fórum Municipal da Economia Solidária, que visa a elaboração do plano com várias propostas, entre elas, a criação do Núcleo de Educação popular voltado para Economia Solidária e um espaço permanente da Economia Solidária para produtos agroecológicos.

      A Economia Solidária  vem recebendo, nos últimos anos, crescente apoio de governos municipais e estaduais. Em âmbito nacional, o Governo Federal em 2003 criou a Secretaria Nacional de Economia Solidária que está implementando o PROGRAMA ECONOMIA SOLIDÁRIA EM DESENVOLVIMENTO, cuja finalidade é promover o fortalecimento e a divulgação da economia solidária mediante políticas integradas visando o desenvolvimento por meio da geração de trabalho e renda com inclusão social. (Matéria produzida pela Ascom SFI )

Nenhum comentário: