Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

terça-feira, 30 de junho de 2015

Novos radares entram em operação na BR-101

A expectativa da concessionária é que a fiscalização resulte em uma nova diminuição do número de acidentes.


Os novos radares fixos instalados ao longo da rodovia BR-101 RJ/Norte entrarão em operação de multas a partir da 0h de segunda-feira, 6 de julho. Os equipamentos foram instalados pela Autopista Fluminense, concessionária do Grupo Arteris responsável pela administração da BR-101 RJ/Norte no trecho entre a cidade de Niterói e a divisa entre RJ e ES, foram aferidos pelo Instituto de Pesos e Medidas do Rio de Janeiro (IPEM-RJ) e funcionam de forma educativa desde o primeiro semestre do ano passado.

A responsabilidade de autuação nas rodovias federais é da Polícia Rodoviária Federal, cabendo à Concessionária efetuar o encaminhamento das multas aos motoristas que cometerem infrações. A Autopista Fluminense enviará diariamente para Polícia Rodoviária Federal, em Brasília, os registros de excessos de velocidade, e após a verificação da Polícia e feitos todos os procedimentos de identificação das imagens, as autuações serão encaminhadas via Correios aos endereços dos proprietários dos veículos, que posteriormente receberão as penalidades.

A expectativa da Concessionária é que o início das cobranças de multas resulte na redução do número de acidentes e mortes na rodovia. A Autopista Fluminense registrou a redução de 34% no número de mortes entre os meses de janeiro a maio de 2015, na comparação com o mesmo período de 2014. Os acidentes fatais também apresentaram redução de 34% no mesmo período; e os outros tipos de acidentes (com feridos e sem vítimas), no total, também registraram uma redução de 12% em relação a 2014.


Vale ressaltar que continuará em operação a fiscalização por meio de radares móveis, realizada pela Polícia Rodoviária Federal, e das câmeras de monitoramento da Concessionária, conforme resolução 471 do CONTRAN publicada em 18 de dezembro de 2013. (Ascom – Autopista Fluminense)

Nenhum comentário: