Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Um gambá no centro da cidade de SFI

Fotos: Rosane Berto/Blog do Paulo Noel.

Uma comerciante foi surpreendida na manhã desta sexta-feira, 27, com o aparecimento de um gambá numa árvore ao lado do seu comércio no centro da cidade de São Francisco de Itabapoana. Ela percebeu que o animal estava muito assustado e ligou para o Blog pedindo orientação. A ambientalista Enilce Nunes que trabalha na Secretaria Municipal de Meio Ambiente orientou para que fosse chamado a GAM – Guarda Ambiental Municipal de São Francisco de Itabapoana, o que foi feito pelo Blog.

Os gambás não vivem em grupos, mas, na época da reprodução, eles formam casais e constroem ninhos com folhas e galhos secos em buracos de árvores.

Seus hábitos são noturnos. Por isso, quando começa escurecer, o gambá sai de seu abrigo para caçar e coletar alimentos. Sendo um animal onívoro, se alimenta praticamente de tudo, como: raízes, frutas, vermes, insetos, moluscos, crustáceos (caranguejos encontrados em zonas de manguezais), anfíbios, serpentes, lagartos e aves (ovos, filhotes e adultos).

Embora possuam uma grande diversidade de presas, os gambás são animais de movimentos lentos e de pouca agilidade, exceto para subir em árvores, utilizando a cauda preensil.


Os gambás produzem um líquido fétido através das glândulas axilares. Esse líquido é utilizado pelo animal como defesa. Na fase do cio, a fêmea costuma exalar este odor para atrair os machos. Outra estratégia para escapar dos perigos é o comportamento de fingir-se de morto até que o atacante desista. 

Nenhum comentário: