Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Rio Rural realiza evento de capacitação em técnicas sustentáveis na Estação Ecológica de Guaxindiba


Cerca de 50 produtores participaram da qualificação

O Programa Rio Rural, da Secretaria de Agricultura, promoveu a Primeira Capacitação de Produtores para implantação de Sistemas Agroflorestais (SAF), técnicas sustentáveis de manejo florestal combinada com produção agrícola. A atividade aconteceu nas sete microbacias hidrográficas de São Francisco de Itabapoana: Tipity, Brejo da Cobiça, Batelão, Rio Guaxindiba, Floresta, Baixa do Arroz e Caldeirão, no Norte Fluminense.

O evento, em parceria com a Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), aconteceu na semana passada, na Estação Ecológica Estadual de Guaxindiba, reunindo cerca de 50 produtores e seus familiares, que assistiram palestras e vídeos e participaram de visitas de campo.

- Esta capacitação visa levar aos produtores boas práticas de manejo incentivadas pelo Rio Rural, que constituem uma importante alternativa de uso sustentável do ecossistema - afirmou o engenheiro agrônomo Herval Fernandes Lopes, gerente técnico estadual de Projetos Sustentáveis da Emater-Rio.

A preservação da floresta e de sua biodiversidade foi um dos principais temas de discussão. Após palestras e exibição de vídeos, os participantes percorreram a trilha da reserva ecológica para avaliar, in loco, a condição dos solos da região, atribuindo notas com base nos indicadores de sustentabilidade.

Temas como Mata Atlântica de Tabuleiro e classificação botânica de espécies da floresta e a importância do sistema agroflorestal para os produtores também estiveram na pauta do evento. Para o professor do Laboratório de Ciências Ambientais da UENF, Marcelo Trindade Nascimento, a troca de experiências e o conhecimento adquirido pelos agricultores foram essenciais para o desenvolvimento do SAF na região.

- A teoria veio complementar informações que o produtor já tem, mas muitas vezes não coloca em prática no seu dia a dia. Uma delas é a atividade de reflorestamento - disse o pesquisador.

Agricultores em ação pelo meio ambiente

O reflorestamento já é uma preocupação dos agricultores, que contam com o SAF para recuperar o solo e garantir boas plantações.


- Por um bom tempo, ocorreu desmatamento irregular. Tudo foi ficando devastado, principalmente por conta das lavouras de cana-de-açúcar. Por isso é importante o reflorestamento promovido pelo programa Rio Rural nas nossas reservas. Quero investir na avicultura e na mata nativa - disse o produtor Janito Gomes de Souza, de 69 anos, da microbacia Brejo Grande.

Fonte: Ascom/Agricultura RJ

Nenhum comentário: