Clique abaixo para ouvir a Rádio São Francisco direto no site

________________________________________________________

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Polícia já tem um suspeito do crime no Assentamento Zumbi dos Palmares

A Polícia Civil já tem um suspeito para o crime que chocou toda a Região na noite desta quinta-feira. Gilcilene Paes Pereira, 44 anos, foi morta a pauladas por volta das 19 horas, no Assentamento Zumbi dos Palmares, em Cajueiro. A filha de Gilcilene segue desaparecida. O suspeito é um homem que mora no local. Próximo ao local onde foi encontrado o corpo, a Polícia achou um chinelo. Esse chinelo foi levado até a casa do suspeito, ocasião em que a Polícia perguntou ao pai do acusado se o chinelo era do filho. O pai disse que sim, e também contou que filho está fora de casa desde ontem à noite. 

Policiais civis da 146ª Delegacia Legal de Guarus, onde a ocorrência foi registrada, e policiais militares estão a caça do suspeito. Um grande aparato policial foi mobilizado para dar uma resposta rápida ao caso, na esperança de encontrar a menina Isabelle Paes Laurindo, 10 anos, mas até agora não há novas informações.

Gilcilene era de família de Santa Rita, em São Francisco de Itabapoana, filha do senhor João Pereira e morava com o marido, Ubirajara, há 10 anos no assentamento. Seu marido é de família de Lagoa dos Paus, também em São Francisco. Ele se desesperou quando chegou ao local e viu a mulher morta e a filha desaparecida.

Não há vizinhos muito próximos. Os vizinhos estão há cerca de 500 metros da residência da vítima.  Quando da divisão das terras no local, o Incra determinou um local para construção das casas, o que seria uma vila de moradores, entretanto a maioria dos produtores rurais optaram em construir dentro dos lotes, sendo assim as casas ficaram distantes umas das outras.

Nenhum comentário: